menu
Topo

Violência contra a mulher

Lindsay Lohan se desculpa após dizer que #MeToo faz das mulheres "fracas"

Tim P. Whitby/Getty Images
Imagem: Tim P. Whitby/Getty Images

Da Universa

12/08/2018 16h01

Lindsay Lohan se envolveu (em mais) uma polêmica recentemente ao dizer que o movimento #MeToo, que trouxe à tona diversas denúncias de assédio sexual em Hollywood, fez as mulheres parecerem “fracas” e foi usado para “chamar a atenção”.

A repercussão de sua afirmação ao “The Times” não foi muito boa, como já era de se esperar. Então a atriz resolveu fazer um comunicado oficial e o enviou à “People”, onde se desculpa pelo o que foi dito.

Veja também

“Eu gostaria de pedir desculpas por qualquer dano ou angústia causados por alguma citação que eu fiz em entrevista recente ao ‘The Times’. A minha afirmação só diz respeito a minha esperança de que falsos testemunhos não diluam a importância de outras vozes no #MeToo, e de todos nós que defendemos isso. No entanto, eu vi como o que eu disse pode ser soar maldoso, o que nunca foi minha intenção.”

“Sinto muito por qualquer dor que eu possa ter causado. Tenho o maior respeito e admiração pelas mulheres que foram corajosas o suficiente para se manifestarem e contar as suas experiências. Esses testemunhos servem para proteger àqueles que não podem falar e dar voz àqueles que lutaram e não tiveram suas vozes ouvidas”, concluiu.