Topo

Direitos da mulher


Papel da mulher no mundo do trabalho ganha cada vez mais buscas no Google

Getty Images
Imagem: Getty Images

Da Universa

2018-03-16T10:53:30

16/03/2018 10h53

Susana Ayarza, diretora de marketing do Google, deu algumas boas notícias em seu artigo “Mulheres e o mercado de trabalho: os desafios da igualdade”. Apesar de a desigualdade de gênero persistir no mundo do trabalho, o debate está cada vez mais presente no dia a dia e isso é visto nas buscas da ferramenta.

Entre 2013 e 2017, as buscas no Google por "desigualdade de gênero no mercado de trabalho" cresceram 451% e por “mulher ganha menos” aumentaram 298%.

Veja também

Quando o assunto é a escolha entre filhos ou carreira, mais dados sugerem que esta questão ainda faz com que muitas mulheres adiem a maternidade em nome de oportunidades de trabalho. As buscas por “congelamento de óvulos “cresceram 89% nos últimos cinco anos – 25% somente no ano passado. A procura por termos relacionando demissão, estabilidade e licença maternidade cresceu mais de 300% nos últimos 5 anos.

Já as buscas por “MEI licença maternidade” cresceram mais de 700%, sugerindo que um grande número de mulheres considera abraçar o empreendedorismo depois de serem mães.

Assédio na roda

As co-buscas (pesquisas realizadas em um intervalo de 30 minutos) sobre assédio e machismo dobraram de 2016 para 2017. Dentro do tema, “assédio moral no trabalho” é atualmente o 2º termo mais buscado no Google.

Só em janeiro de 2018 mais de 1000 vídeos sobre o termo "mansplaining" foram publicados no YouTube para ensinar as pessoas sobre a importância de respeitar o espaço, a voz e a vez delas.

Transformação

A expressão “empoderamento feminino” foi 4x mais buscada em 2017 do que em 2012. Quando falamos de "empoderamento feminino no mercado de trabalho", são mais de 459 mil resultados.

“Talvez o mais importante seja percebermos que, todos nós, de alguma forma, ainda somos parte do problema. Ninguém está livre de ter algum tipo de viés, e estarmos atentos a isso já é um passo rumo à transformação. Vamos juntos!”, concluiu Susana.