menu
Topo

Sexo


Sexo

Mulheres reclamam: "Eu só quero fazer sexo casual, mas os homens fogem"

iStock
Elas contam como é difícil mandar a real para os homens Imagem: iStock

Talyta Vespa

Da Universa

2019-02-12T04:00:00

12/02/2019 04h00

A engenheira agrônoma Laura Oliveira, de 27 anos, conta que a vida de solteira foi uma ingrata surpresa. Nas duas vezes que tentou ter um amigo com benefícios, deu com a cara na porta. "Comecei a ficar com um cara e ele, logo de cara, disse que não queria nada sério. Para mim, estava ótimo. Eu também não queria. Só que ele começou a me cobrar, a perguntar onde eu estava, com quem eu estava. Eu logo cortei. Então, ele foi até a república onde eu morava e fez um escândalo, dizendo que eu não podia fazer isso com ele, que ele queria namorar e eu o tinha iludido. Não entendi nada. Disse que não ia rolar", conta.

Arquivo Pessoal
Imagem: Arquivo Pessoal

"Depois, fiquei com outro cara que veio com o mesmo papo. Deixei claro que só queria um lance casual e que ficaríamos com outras pessoas. Ele achou ótimo. Só que, um dia, ele me viu saindo de uma festa com outro homem e surtou. É difícil de entender. Parei de tentar encontrar um amigo colorido legal".

A gestora de Recursos Humanos Ariane, de 21 anos, é direta quando o assunto é sexo. Ela não tem problemas em dizer que está a fim de transar nem de dizer quando não quer. À Universa, ela conta que já perdeu várias chances de transar por ir direto ao ponto. 

"Passei a virada de ano em uma casa com um grupo de amigos e, entre eles, tinha um cara que sempre foi a fim de mim. Lá, ficamos, e, como eu queria transar, achei que poderia rolar ali mesmo. Fomos para o quarto e começamos a nos pegar. Então, quando fui começar as preliminares, ele parou e disse: 'Nossa, vocé é rápida demais'", conta.

Ela perguntou se ele não queria, mas, segundo Ariane, ele disse que estava, sim, com vontade: "Ele disse que queria, então continuei. Ele, rapidamente, me parou de novo, disse para irmos com calma e brochou. Eu disse: 'Amigão, não vou ficar no seu pé, não quero nada sério contigo. Rolou química e achei que você estava a fim, mas se não está, pode sair do quarto'. Ele nunca mais me procurou", diz,

E não foi a única vez, segundo Ariane. Durante um encontro com um conhecido, a coisa esquentou e ela perguntou se eles passariam a noite na casa dela ou na dele. "Ele respondeu: 'Nossa, você é direta, né? A gente está se conhecendo hoje, calma'. Eu disse que estava só deixando claro que queria sexo e, depois de darmos uns beijos, ele disse que não poderíamos dormir juntos porque ele já tinha combinado de dormir com um amigo. Fui embora".

"Você tirou a graça da minha caça"

Arquivo Pessoal
Imagem: Arquivo Pessoal

Querendo sair da "seca", a estudante Maria, de 21 anos, decidiu ir para uma balada com algumas amigas. Lá, ela trocou olhares com alguns homens, até que se aproximou de um deles. "Conversa vai, conversa vem, partimos para os beijos. Na hora de ir embora, perguntei se ele queria ir comigo para casa. A reação dele foi um susto. Gaguejou, não sabia o que fazer e me disse: "Você é direta demais. Tirou a graça da minha caça". Caí fora na hora. Homem que não sabe lidar com mulher bem resolvida é difícil".

"Ele disse que não sabia lidar com a minha independência"

Com a supervisora administrativa Beatriz, de 21 anos, a reação negativa foi a mesma. No entanto, ela e o cara nunca tinham se encontrado. "Fiquei solteira recentemente e baixei o Tinder por indicação de uma amiga que disse que lá é mais fácil encontrar sexo casual. Na verdade, não encontrei nenhum que estivesse a fim disso. Quando explicava o que queria, eles mudavam de assunto, alguns sumiam, outros falavam em namorar", diz. 

"Até que, finalmente, conheci uma pessoa cujo perfil era parecido com o meu. Pensei: 'É agora'. Ficamos conversando por alguns meses até que combinamos de nos encontrar em um motel. Cheguei lá e ele não apareceu. Quando fui tirar satisfação, ele disse que precisava ter muito colhão para estar com uma mulher que pensava como eu, que era independente. Disse que admirava essa característica minha, mas não sabia lidar com ela, e que se transasse comigo, ia querer namorar. E sumiu".

"Não quero um relacionamento sério"

Arquivo Pessoal
Imagem: Arquivo Pessoal

"Conheci um cara no Tinder e nós saímos duas vezes. Não nos beijamos em nenhuma delas, mas tínhamos uma conversa legal. Então, não entendia qual era a dele. Decidi perguntar se ele queria sair mais uma vez e ele demorou horas para responder. Quando respondeu, disse que não sabia se queria relacionamento sério e explicou todos os porquês e traumas da vida dele. Foi a maior enrolação para nada", conta a bióloga Marina, de 30 anos. "Ele veio falar de relacionamento sério sendo que nunca tínhamos nos beijado. Homem é muito emocional, mesmo", ri.