menu
Topo

Moda

Kate Moss supera Delevingne e volta a ser top mais bem paga do Reino Unido

Getty Images
Kate Moss e Cara Delevingne nas passarelas em 2018 Imagem: Getty Images

da Universa, em São Paulo

02/10/2018 09h31

Kate Moss provou que beleza e sucesso no mundo na moda não têm nada a ver com idade.

Aos 44 anos, a top recuperou o posto de modelo mais bem paga do Reino Unido, superando o nome de maior faturamento do ano anterior, Cara Delevingne, de 26 anos.

Veja também

Chamada de "icônica rainha da passarela" pelo jornal britânico "Daily Mail", Kate lucrou quase 9 milhões de libras em 2017, isto é, cerca de R$ 46,5 milhões, por meio de suas três empresas — uma delas, uma agência de modelos.

Cara havia feito 8 milhões de libras, em torno de R$ 41,3 milhões, um lucro apontado pelos experts da indústria como resultado direto de seu poder de influência nas redes sociais.

Há um ano, a presidente da marca de lingerie Bluebella, Emily Bendell, afirmou ao "Daily Mail" que Kate tinha sido sábia em manter seu mistério ao negar-se a dar entrevista por anos, mas que ela havia arriscado sua carreira ao não manter uma presença forte nas mídias sociais.

"Kate ainda é um ícone absoluto da indústria da moda e ela continuará tendo alta demanda de trabalhos na próxima década, mas ela nunca será rival para Cara novamente em lucros", disse ela ao jornal. Ao que tudo indica, o jogo virou.

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário da Universa. É grátis!