Topo

Direitos da mulher

Desigualdade salarial entre homens e mulheres começa na mesada das crianças

Getty Images
Imagem: Getty Images

Da Universa

09/07/2018 15h58

Segundo pesquisa feita pelo BusyKid, a discrepância salarial entre os homens e mulheres começa bem mais cedo do que muitos imaginaram.

A publicação afirma que a diferença tem início logo na infância, quando os pais começam a dar mesada para seus filhos. Os dados encontrados por eles afirmam que os meninos recebem, em média, o dobro das meninas.

Veja também

Em números, os garotos recebem aproximadamente US$ 13,80 (R$ 53,50) por semana, enquanto as garotas são beneficiadas com US$ 6,71 (R$ 26,03). Agora, quando se trata daquela graninha extra para algum passeio, por exemplo, os meninos ganham US$ 17 (R$ 65,95), já as garotas US$ 15 (R$ 58,19).

A pesquisa complementa os dados dizendo que os meninos e as meninas têm prioridades diferente na hora de gastar o dinheiro. Eles preferem usar para comprar coisas para si mesmos e elas tendem a doar para organizações filantrópicas.

“Foi interessante e sobretudo chocante ver quanta diferença havia no pagamento entre meninos e meninas pelos dados coletados por nossa rede. Como pai de ambos os gêneros, acho que esse é um alerta importante para os pais ficarem conscientes do quanto estão pagando e garantir que seja justo. Eu, pessoalmente, acho que nenhum pai teria esse tipo de atitude conscientemente a base de gênero, mas querendo ou não isso está acontecendo”, disse Gregg Murset, CEO da BusyKid.

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário da Universa. É grátis!