menu
Topo

Violência contra a mulher


Lady Gaga declara apoio a vítimas de R.Kelly e está arrependida de parceria

REUTERS/Lucy Nicholson
R. Kelly e Lady Gaga fizeram uma performance juntos no AMA 2013 Imagem: REUTERS/Lucy Nicholson

Da Universa

2019-01-10T08:24:04

10/01/2019 08h24

Frequente porta-voz contra abusos sexuais, Lady Gaga não se esquivou de comentar sobre sua parceria com R.Kelly no passado. O rapper é alvo de inúmeras acusações de assédio, estupro e até de ter feito mulheres de escravas sexuais.

Em suas redes sociais, a cantora se mostra arrependida pela parceria que fez com o artista na música "Do What U Want (With My Body)" ("Faça o que você quiser com o meu corpo", em tradução livre), em 2013, e nesta quinta (10) postou uma mensagem de apoio às vítimas do cantor:

"Eu apoio qualquer pessoa que tenha sido vítima de abuso sexual. Eu fico ao lado dessas mulheres 1000%, acredito nelas, sei que estão sofrendo e sinto que estas vozes devem ser ouvidas e levadas a sério. O que estou ouvindo sobre as acusações contra R.Kelly é absolutamente horrível e indefensável", disse a cantora.

Lady Gaga relembra que ela mesma já foi vítima de abusos sexuais e afirma que seu trabalho com o rapper foi feito em um "período obscuro" de sua vida. "Minha intenção era criar algo extremamente desafiador e provocativo por que eu estava furiosa e ainda não havia processado o trauma que aconteceu na minha própria vida", disse.

Segundo a artista, se ela pudesse voltar no tempo, teria procurado ajuda para superar seus traumas. "Não posso voltar no tempo, mas posso avançar e apoiar mulheres, homens e pessoas de todas as identidades sexuais de todas as raças que tenham sido vítimas de abuso sexual", declarou.

Lady Gaga prometeu retirar a música de todas as plataformas de música e nunca mais trabalhar com o rapper novamente. "Me perdoem pelo meu julgamento fraco quando eu era jovem e por não ter me pronunciado antes. Amo vocês", concluiu.