Topo

Diversidade

OMS retira a transexualidade da lista de doenças e transtornos mentais

Getty Images
Imagem: Getty Images

Da Universa

18/06/2018 19h11

Nesta segunda-feira (18), a OMS anunciou (finalmente) a medida de retirar a transexualidade da lista de doenças mentais da agência da Organização das Nações Unidas (ONU).

A notícia foi compartilhada por meio do site oficial da OMS, onde a organização publicou um novo manual de Classificação de Doenças, conhecido também como CID-11, onde a “incongruência de gênero”, ou seja, a transexualidade, não pertence mais à lista de transtornos mentais, que inclui, por exemplo, a cleptomania e pedofilia.

Veja também: 

A “incongruência de gênero” agora configura como “condição relativa à saúde sexual”, a fim de incentivar a oferta de políticas públicas de saúde para transexuais.

“O raciocínio é que as evidências agora são claras de que a incongruência de gênero não é um transtorno mental, e classificá-la desta maneira causa enorme estigma para as pessoas transgênero. Ainda há necessidades significativas de cuidados de saúde para que os transexuais sejam melhor atendidos se a condição for codificada sob o CID”, disse Lale Say, coordenadora da Equipe de Adolescentes e Populações em Risco da OMS.

Mais uma vitória para a representatividade e visibilidade da comunidade trans no mundo todo. Já tava mais que na hora! 

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário da Universa. É grátis!