Recomenda

Dicas de filmes, séries, leituras, sons, espetáculos

Puerpério não é palavrão e série "Turma do Peito" relata esse drama materno

Divulgação
Exibida originalmente no canal australiano ABC, "Turma do Peito" é uma criação de Sarah Scheller e Alison Bell, que protagoniza a série Imagem: Divulgação

Natacha Cortêz

Da Universa

25/05/2018 04h01

Nem tudo é o que parece ser. Se esse "tudo" então for a maternidade, evitar romantizá-la pode ser o primeiro passo para uma mãe mais feliz. Esse é recado de "Turma do Peito" (The Letdown), a série sobre puerpério - a fase após o parto, em que a mulher experimenta modificações físicas e psíquicas - e outros dramas da maternidade na Netflix

Veja também

Sinopse: Audrey, que é mãe de primeira viagem de uma menina de dois meses, tenta apoio de um grupo de pais do seu bairro, do parceiro estressado pelo trabalho e até mesmo do traficante de drogas da região. Exibida originalmente no canal australiano ABC, "Turma do Peito" é uma criação de Sarah Scheller e Alison Bell, que protagoniza a série.

Divulgação
Como é lidar com os desafios reais de ser mãe, e com a pressão dos julgamentos disfarçados de conselhos? Imagem: Divulgação

São sete episódios com aproximadamente 30 minutos de puerpério, de rede de apoio, de dificuldades na amamentação, de noites em claro e do impacto profundo que um bebê causa nas relações familiares, amorosas e até mesmo na vida social de mães e pais. Afinal, como é se sentir você e ao mesmo tempo se sentir uma nova pessoa, com novas responsabilidades? Como é lidar com os desafios reais de ser mãe, e com a pressão dos julgamentos disfarçados de conselhos? Onde é que foi parar sua antiga e confortável vida? Questões como essas aparecem ao longo da primeira temporada, despertando, inclusive, boas risadas.

Divulgação
Audrey, que é mãe de primeira viagem de uma bebê de dois meses, tenta conseguir o apoio de um grupo de pais do seu bairro, do parceiro estressado pelo trabalho e até mesmo do traficante da região Imagem: Divulgação

Importante dizer que "Turma do Peito" não precisa ser uma obra audiovisual para que apenas as mães possam se identificar, na alegria e na tristeza. Ela serve para todo mundo (pais, tios, amigos, sogras e parceiros) que, de alguma forma, convive com os protagonistas da maternidade. 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está fechada

Não é possivel enviar comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

O UOL está testando novas regras para os comentários. O objetivo é estimular um debate saudável e de alto nível, estritamente relacionado ao conteúdo da página. Só serão aprovadas as mensagens que atenderem a este objetivo. Ao comentar você concorda com os termos de uso. O autor da mensagem, e não o UOL, é o responsável pelo comentário. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário da Universa. É grátis!

Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
do UOL
Topo