menu
Topo

Diversidade

Caitlyn Jenner revela ter cogitado suicídio: "Eu tinha uma arma"

Getty Images
Caitlyn Jenner - Exalte o que você mais gosta Imagem: Getty Images

Da Universa

11/05/2018 15h15

Caitlyn Jenner teve que lidar com muita pressão e exposição quando abriu o jogo publicamente sobre ser uma mulher trans. E muitas dessas questões afetaram seu psicológico, assim como acontece diariamente com outras pessoas transexuais em todo o mundo.

Em entrevista ao Channel 4 News, a estrela, de 69 anos, revelou ter se sentido perseguida pela imprensa sobre sua identidade de gênero e, quando um dos veículos ameaçou publicar uma de suas fotos mostrando a transição, ela pensou em tirar a sua própria vida.

Veja também

"Eu tinha acabado de fazer o procedimento médico no maxilar no domingo de manhã. Achei que ninguém estava por lá. Então à noite recebi um telefonema do 'TMZ' ameaçando publicar a imagem”, disse ela, acrescentando, ainda, que debateu com o jornalista que a ligou. "Harvey, não fale sobre isso. Não é da sua conta e, por favor, quando você faz coisas assim isso afeta a vida das pessoas". 

O acontecimento desencadeou o pensamento suicida, no mesmo dia. “Eu não conseguia dormir. Ficava andando de um lado pro outro dentro de casa, enquanto pensava: ‘Eu tenho uma arma na outra sala. Eu poderia entrar, usar, sem mais dor, seguir em frente’”, lembrou.

Cailtyn relembra ter acordado no dia seguinte e pensado como aquele pensamento teria sido “a coisa mais idiota” que ela poderia fazer: "Parecia o caminho mais fácil.”

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário da Universa. É grátis!