Novidades de beleza

Tratamento de Bárbara Evans para celulite tem esfoliação com cachaça, veja

Divulgação
Bárbara Evans durante a sessão Imagem: Divulgação

Débora Lublinski

Colaboração para Universa

21/03/2018 04h00

Não são apenas as mulheres mais acima do peso que se queixam dos furinhos no bumbum. A celulite tem causas multifatoriais sendo que a gordura é apenas uma delas. Além da flacidez, a retenção líquida é outro fator que ajuda a somar também as mais magras a esse time.

Alta e esguia, a modelo Bárbara Evans conta que desde muito cedo teve celulite e aponta o inchaço como o grande vilão. "Sofro com a retenção de líquidos há tempos. Dependendo do que eu como, tem dia que me sinto muito inchada e, por isso, aposto em tratamentos que ajudam a dar uma aliviada."

Veja também:

Adepta da atividade física, ela faz spinning de forma regular e procura manter uma alimentação saudável, mas confessa que, às vezes, peca no sal. "Não sou muito de doces, mas adoro estrogonofe, hambúrguer, pizza, pão de queijo!".

Para compensar o excesso de sódio, faz de duas a três vezes na semana alguma técnica que estimule o sistema linfático. Além da drenagem clássica, sempre um ótimo recurso, o aparelho Cellutec, de endermoterapia vibratória, também entra na rotina.

"A vibração e os movimentos circulares da máquina aceleram a retirada de líquidos e de toxinas acumulados entre as células", explica Fátima Vieira, do salão Criar by Fabinho Araújo, de São Paulo, onde Bárbara passa por um protocolo estético e de bem-estar, que também inclui esfoliação com ativos da cachaça e bambuterapia. "O objetivo é desintoxicar e energizar o corpo, além de estimular o colágeno, combater a celulite e relaxar", detalha Fátima.

"A cachaça, por conter álcool, promove vasodilatação e causa o efeito chamado termogênico que seria vermelhidão e calor local. O risco é para as peles com tendência a dermatites, rosáceas e outros estados inflamatórios, que podem ser exacerbados com esse tipo de produto", acredita Flávia Chehin, dermatologista de São Paulo.

"Tem gente que não acredita nessa coisa de energia. Mas eu sinto que entro pesada e saio leve do tratamento. A parte do relaxamento também é muito importante. Durante o 'Dancing Brasil', a massagem foi fundamental para aguentar a dor física e a pressão emocional nos ensaios e nas apresentações do programa", recorda Bárbara.

Saiba mais sobre o tratamento anti-inchaço de Bárbara Evans:

Passo 1: Esfoliação com cachaça

O tratamento começa removendo as células mortas do corpo com um esfoliante criado pela esteticista Fátima Vieira. Ela apostou nas propriedades energéticas da cachaça para garantir um efeito detox à pele. "A cachaça aquece o corpo, garantindo ação termogênica, que ajuda a acelerar o metabolismo", explica.

Passo 2: Massagem com bambu

O bambu é capaz de atingir áreas mais profundas da pele, potencializando os deslizamentos da massagem. "Com a ajuda dele, trabalhamos a flacidez, a celulite, a gordura localizada e também dores musculares", diz Fátima.

Passo 3: Endermoterapia vibratória

Batizado de Cellutec, o aparelho age por meio de movimentos circulares, vibratórios e de percussão (batidas ritmadas). Com três ponteiras disponíveis, atua desde as camadas mais superficiais da pele até o tecido mais profundo, promovendo um aumento da circulação e estimulando a drenagem linfática.

Resultados esperados: Redução de celulite, retenção líquida, gordura localizada, flacidez e pontos doloridos.

Contraindicações: Não há e não dói.

Manutenção: A cada 15 dias ou uma vez por mês, de acordo com a retenção de cada mulher.

Valor: A partir de R$ 350.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

O UOL está testando novas regras para os comentários. O objetivo é estimular um debate saudável e de alto nível, estritamente relacionado ao conteúdo da página. Só serão aprovadas as mensagens que atenderem a este objetivo. Ao comentar você concorda com os termos de uso. O autor da mensagem, e não o UOL, é o responsável pelo comentário. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário da Universa. É grátis!

Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Topo