menu
Topo

Moda

Chanel anuncia que não usará mais peles exóticas

Getty Images
A Chanel abandonará as peles de crocodilo, lagarto, cobra e arraia em suas criações Imagem: Getty Images

da ANSA, em Roma

05/12/2018 09h35

A grife francesa Chanel anunciou na última segunda-feira (4) que não irá mais utilizar peles exóticas em suas criações futuras.

"Estamos revisando nossas cadeias de fornecimento para garantir que atendam às nossas expectativas de integridade e rastreabilidade. Neste contexto está se tornando cada vez mais difícil obter peles exóticas que atendam aos nossos padrões éticos", diz o comunicado.

Veja também

De acordo com o texto, a Chanel passará a produzir "uma nova geração de produtos de alta qualidade" que respeitem suas diretrizes, tais como "a criatividade excepcional de nosso estúdio criativo, nossa expertise, nossos padrões de excelência, materiais nobres e inovadores e acabamentos excepcionais".

A marca francesa substituirá as peles de crocodilo, lagarto, cobra e arraia por produtos feitos de couros e tecido industrial.