menu
Topo

Violência contra a mulher


Detido após queixa de estupro, Chris Brown tem longa lista de acusações

Getty Images
Imagem: Getty Images

Da RFI

22/01/2019 18h30

O rapper americano Chris Brown, ex-namorado de Rihanna, foi detido na segunda-feira (22) em Paris depois que uma mulher registrou uma queixa contra ele por "estupro com agravante" e "infrações à legislação sobre entorpecentes".

A mulher alega que Brown a estuprou junto com um amigo e o guarda-costas do cantor no luxuoso Hotel Mandarin Oriental, na capital francesa, na madrugada de quarta-feira (16) da semana passada. Os dois acompanhantes do rapper envolvidos no caso também foram detidos.

A suposta vítima, de 25 anos, diz que passou uma noite com Brown em uma boate perto da avenida Champs Elysées e, em seguida, ele a convidou para ir ao seu hotel. Segundo o jornal Le Figaro, Brown estava na capital francesa para participar da Fashion Week.

O artista americano de 29 anos, revelado em 2005, já teve vários problemas com a justiça. Ele foi condenado em 2009 por agredir a cantora Rihanna, que era sua namorada. Em 2014, ele reconheceu ser culpado pela agressão de uma fã em Washington. Em 2016, ele foi acusado de violência por uma mulher em Las Vegas. Meses depois, foi detido em Los Angeles pela agressão de outra mulher e porte de arma letal.

No início de 2017, Brown foi indiciado por um estupro ocorrido durante uma festa em sua mansão de Los Angeles, mas neste caso envolvendo outro rapper. Uma mulher relatou ter sido obrigada a ir para a casa de Brown depois de um show na boate One Oak, no dia 23 de fevereiro daquele ano. Chegando ao local, ela afirma ter sido violentada várias vezes pelo rapper Lowell Grissom, mais conhecido pelo nome artístico de Young Low.