Topo

Mês do Orgulho LGBTQ+


Modelo trans, negra e com deficiência consegue sua primeira capa de revista

Paper Magazine
Aaron Philip na capa da Paper Magazine Imagem: Paper Magazine

da Universa

2019-06-25T13:12:01

25/06/2019 13h12

Aaron Philip, primeira modelo negra e trans e com deficiência a ser contratada por uma grande agência, conquistou um novo feito: ela é a estrela de sua primeira capa de revista.

Aaron é uma das sete capas da "Paper Magazine" em homenagem ao Mês do Orgulho LGBTQ+. A modelo de 18 anos nasceu com paralisia cerebral e fez história ao ser contratada pela Elite Model, em setembro de 2018.

"A indústria da moda só conhece um tipo de corpo e isso foi vendido por muito tempo. Mas agora estamos vivendo num tempo que vários corpos diferentes são celebrados, mas não só isso. São corpos também desejados e vendáveis", ponderou Aaron, em entrevista à CNN.

No Instagram e no Twitter, Aaron acumula mais de 120 mil seguidores. Nascia em Antígua, a modelo não se considera uma ativista. "Ainda falta visibilidade e atenção para pessoas deficientes na moda. Eu sou uma de duas modelos com deficiência no mercado inteiro", lamenta. "Eu não deveria ser responsável por amplificar a voz de ninguém que é marginalizado quando há tantos que podem fazer isso. Mas eu farei isso. E espero que outras garotas na minha posição não tenham que faz o mesmo, apenas vivam e façam seu trabalho", conclui a modelo.

Paper Magazine
Aaron Philip Imagem: Paper Magazine

Mais Mês do Orgulho LGBTQ+