Topo

Pausa

Pare, respire e olhe o mundo ao redor


Prata, réplicas e água especial: o que sabemos sobre o batizado de Archie

Dominic Lipinski  POOL  AFP
Archie Harrison, primeiro filho de Meghan Markle e do príncipe Harry Imagem: Dominic Lipinski POOL AFP

Da Universa

2019-06-21T13:40:15

21/06/2019 13h40

Archie Harrison pode ter apenas um mês de vida e estar bem longe de ser rei um dia (afinal, ele é o 7º na linha de sucessão ao trono britânico), mas tem que seguir regras rígidas simplesmente por carregar o sobrenome Mountbatten-Windsor.

Seu batizado, marcado para acontecer no sábado 6 de julho, será um de seus primeiros contatos com o rígido protocolo real.

Quando ele nasceu, em 6 de maio, seus pais, o príncipe Harry e a duquesa Meghan, puderam quebrar uma série de regras esperadas para nascimentos reais, como não aparecer com o bebê horas depois do parto e anunciar sua chegada pelas redes sociais.

No batizado, que é um evento religioso, será difícil a família Sussex escapar de certas pompas.

AFP
Imagem: AFP

Todo membro da família real é batizado na Igreja da Inglaterra, que é protestante, religião oficial dos países que têm Elizabeth 2ª como monarca. Meghan, por exemplo, recebeu o batismo aos 36 anos, pouco antes de se casar com Harry, em 2018.

Archie será batizado na Capela de São Jorge, mesmo local em que seus pais se casaram.

A roupinha

Archie, assim como seus primos George, Charlotte e Louis, deverá usar o vestido de batizado Honiton, uma réplica do modelo encomendado pela rainha Victoria para o batismo de sua primeira filha, Victoria Adelaide Mary Louisa, em 1841.

A peça original, toda de renda na cor creme, vestiu cinco monarcas, entre eles a rainha Elizabeth. Os príncipes Charles, William e Harry também foram batizados nela. O vestidinho original foi aposentado em 2004, após o batizado de Lady Louise Windsor.

O príncipe George foi o primeiro a usar a réplica, em 2013. A peça é tão delicada que tem que ser lavada a mão com água mineral e mantida em um quarto escuro para não ser danificada.

Ela foi utilizada pela última vez há um ano, no batizado do príncipe George.

A água benta

Pensa que os pequenos príncipes e princesas são batizados com qualquer água benta? Pois saiba que Archie terá sua cabeça molhada por água do rio Jordão, que cruza Jordânia, Israel e Palestina, o mesmo em que Jesus teria sido batizado por João Batista.

Segundo o "Express UK", depois de retirada do Rio, a água é esterelizada e benzida por um grupo de homens religiosos, cujos nomes constam na etiqueta da garrafa.

A pia batismal

Conhecida como Lily Font, a peça sobre a qual bebês reais recebem as bênçãos tem muita história para contar.

A fonte feita de prata dourada é parte da coleção real e, quando não está sendo utilizada, é mantida Jewel House, na Torre de Londres. Ela foi encomendada na mesma ocasião do vestido Honiton: o batizado da princesa Victória.

A pia traz, entre outros adornos, a figura de três querubins voando sobre a imagem da rainha Victória, do príncipe Albert e da princesa real.

Mais Pausa