Topo

Sexo


Sexo

Por que transar com duas mulheres é a fantasia mais comum entre os homens?

Getty Images
Sexo a três ainda é a fantasia sexual favorita dos homens Imagem: Getty Images

Heloísa Noronha

Colaboração para a Universa

2019-06-11T04:00:00

11/06/2019 04h00

Ter relações sexuais com duas mulheres ao mesmo tempo ainda é a principal fantasia da ala masculina da nação, segundo dados da Sbrash (Sociedade Brasileira de Estudos em Sexualidade Humana), coletados por meio de entrevistas com pessoas de diferentes faixas etárias. Seja colocado em prática ou não, o desejo aguça a imaginação e pode servir de gatilho para o prazer na hora da masturbação.

E por que ele é tão recorrente e comum? A sensação de poder que permeia a fantasia é o principal fator motivador, de acordo com especialistas. "É como se o homem passasse a ser considerado mais macho e viril por ser duplamente desejado e por conseguir dar conta sexualmente de duas mulheres na cama", fala Arlete Girello Gavranic, terapeuta sexual e coordenadora do curso de pós-graduação em Educação e Terapia Sexual do Isexp (Instituto Brasileiro Interdisciplinar de Sexologia e Medicina Psicossomática).

A necessidade de ter poder é uma característica inerente aos homens, afirma Carlos Eduardo Carrion, psiquiatra especializado em sexualidade. Isso explicaria, pelo menos em tese, por que transar com dois parceiros ao mesmo tempo não ocupa lugar de destaque na lista de fantasias femininas, que, em geral, envolvem cenários românticos e/ou diferentes, submissão e celebridades.

"Pela lógica, quanto mais poder, melhor. Ou seja, ter duas mulheres é melhor do que uma. E se der para ter três, melhor ainda. Mais imagens, mais sensações, mais gemidos, experiência mais intensa de permitir que os outros interajam... Enfim, poder", completa Carrion.

Para Oswaldo Martins Rodrigues Jr., terapeuta sexual, diretor do Inpasex (Instituto Paulista de Sexualidade) e autor do livro "Parafilias - Das Perversões às Variações Sexuais" (Zagodoni Editora), a pornografia sempre incentivou esse tipo de fantasia e lucrou com ela. "Como transar com duas mulheres é um contexto constante na pornografia, adolescentes acabam acreditando que essa é uma ideia que deve ser seguida e reproduzida, perpetuando-a ao longo dos anos", diz.

"Vale lembrar que nas produções pornôs, o sexo com duas parceiras costuma envolver a dominação de ambas, que é outro ponto bem atraente para os homens e suas fantasias de controle da situação", destaca Arlete. Além disso, o "ménage à trois" favorece práticas como fazer sexo oral e anal ao mesmo tempo.

Observar duas mulheres transando também atiça o desejo de muitos homens. Uma das razões é que o voyeurismo é mais incentivado nos homens --tanto na educação recebida quanto pelos meios de comunicação--, do que nas mulheres, em geral reprimidas desde muito cedo em relação a observar com naturalidade imagens sexuais.

Transar com uma mulher e outro homem é algo que dificilmente passa pela cabeça masculina, conforme comprova a experiência dos especialistas em consultório. Muitos rejeitam a possibilidade por medo de o outro ser melhor --mais viril, potente e ter um pênis maior-- e também por receio de que a vivência desperte algum tipo de atração homossexual.

"Compartilhar a cama com um segundo homem também pode evidenciar os pontos que ele já considera fracos em si mesmo, como a ejaculação precoce ou a baixa autoestima em relação ao corpo", observa Arlete.