Topo

Direitos da mulher


Famosas revelam que fizeram abortos e se colocam contra novas leis nos EUA

Da Universa

2019-05-19T11:09:11

19/05/2019 11h09

Com as novas leis do aborto levantando discussões nos Estados Unidos, muitas mulheres têm usado suas redes sociais para dividir histórias pessoais, a fim de provar a importância de a mulher ter direitos sobre o próprio corpo.

Muitas famosas aproveitaram sua visibilidade para compartilhar relatos pessoais sobre quando decidiram interromper uma gravidez. Essa atitude tem como objetivo motivar outras mulheres a falarem sobre o assunto e reforçar que a decisão sobre ter um filho, ou não, deve caber a elas.

Cecile Richards

AFP
Imagem: AFP

Ativista norte-americana, 60, que serviu como presidente da Federação de Planejamento Familiar da América e presidente do Planned Parenthood Action Fund, de 2006 a 2018

"Eu fiz um aborto. Foi a decisão certa para mim, e não foi difícil... Mas o fato é que não deveríamos ter que compartilhar nossas experiências mais pessoais para simplesmente tentar gerar uma medida de empatia dos políticos."

Busy Phillips

Getty Images
Imagem: Getty Images

Atriz norte-americana, 39, conhecida por fazer parte do elenco do filme "As Branquelas".

"Eu fiz um aborto quando tinha 15 anos e estou dizendo isso porque estou realmente com muito medo por todas as mulheres e meninas em todo o país... Sim, também é um pouco chocante, mas, adivinhe, é o que significa ser uma mulher. Ter uma terça-feira qualquer e, de repente, ser lembrada de que as pessoas estão tentando policiar o seu corpo e você tem que prontamente estar apta a trabalhar novamente."

Cynthia Nixon

Getty Images
Imagem: Getty Images

Atriz norte-americana, 53, vencedora dos prêmios Tony e Emmy, por sua interpretação da personagem Miranda Hobbes na série "Sex and the City".

"Há 60 anos, minha mãe teve um aborto ilegal. Foi muito angustiante para ela falar sobre, mas ela se certificou de que eu saberia o que tinha acontecido. Em 2010, minha esposa fez um aborto legal depois que descobrimos que sua gravidez não era viável. Nós não podemos e não vamos dar esse passo para trás."

Jameela Jamil

Divulgação
Imagem: Divulgação

Atriz, apresentadora e modelo britânica, 33, conhecida por fazer parte do elenco da série "The Good Place".

"Fiz um aborto quando era jovem e foi a melhor decisão que tomei. Tanto para mim quanto para o bebê que eu não queria, e para que não estava pronta, emocionalmente psicologicamente e financeiramente. Tantas crianças acabarão em lares adotivos. Tantas vidas arruinadas. Muito cruel."

Tess Holiday

Getty Images
Imagem: Getty Images

Modelo, 33, conhecida por lutar pelo movimento do body positive nas redes sociais.

A norte-americana fez um desabafo dizendo ter feito um aborto porque sua "saúde mental não aguentava mais engravidar" e disse que era "excruciante em muitos níveis, mas necessário".

Milla Jovovich

Reuters
Imagem: Reuters

Atriz e modelo, 43, conhecida por seus papéis em "Resident Evil" e "De Volta à Lagoa Azul".

"Eu nunca quis falar sobre essa experiência. Mas eu não posso permanecer em silêncio quando tanto está em risco. [...] Nossos direitos como mulheres de obter abortos seguros por médicos experientes estão novamente em risco. [...] Incluindo em casos de estupro ou incesto. Eu mesma passei por um aborto de emergência dois anos atrás. Eu estava grávida havia quatro meses e meio, e gravando em um local na Europa Oriental. Entrei em trabalho de parto prematuramente e me disseram que teria que ficar acordada durante todo o procedimento. Foi uma das experiências mais horríveis por que já passei. Eu ainda tenho pesadelos com ela. Eu estava sozinha e sem ajuda. Quando eu penso no fato que mulheres devem enfrentar abortos em condições ainda piores que as que enfrentei por causa das novas leis, meu estômago revira."

Ashley Judd

Getty Images
Imagem: Getty Images

A atriz, de 51 anos, usou a hashtag #YouKnowMe e escreveu: "Violentada aos 30 anos, interrompi a gravidez. Além disso, o estuprador teria direitos de paternidade".