menu
Topo

Moda


Moda

Grife italiana tira blusa de lojas após ser acusada de fazer "blackface"

Reprodução/Twitter
Imagem: Reprodução/Twitter

Da Universa

07/02/2019 09h32

A inspiração seria dos gorros balaclava, mas uma peça da grife Gucci revoltou muita gente por lembrar o "blackface" -- a antiga pintura facial com o carvão de cortiça de atores brancos para representar personagens afro-americanos de forma, muitas vezes pejorativa.

Vendida no e-commerce da marca, a peça chegou às redes sociais e recebeu uma enxurrada de críticas:

"O blusão balaclava da Gucci. Feliz Mês da História Negra, pessoal"

Ainda que apareça em outros sites de moda no valor de £690 (cerca de R$ 3.329), a grife italiana garantiu que retirou as peças de suas lojas e pediu desculpas pelo problema em uma nota oficial publicada em seu Twitter:

"A Gucci se desculpa pelas ofensas causadas pela blusa de lã. Consideramos diversidade um valor fundamental para ser defendido, respeitado e que baseia todas as decisões que tomamos"

Recentemente, outra grife de renome foi acusada do mesmo gesto racista. A Prada retirou uma linha toda de produtos que também remetiam ao "blackface".