menu
Topo

Autoestima


Manu Gavassi sobre plástica: "pensava que só assim meu talento seria visto"

Reprodução/Instagram
Manu Gavassi Imagem: Reprodução/Instagram

da Universa, em São Paulo

25/01/2019 14h33

Após assumir para uma fã que já fez uma cirurgia plástica, da qual se arrependeManu Gavassi decidiu abrir o jogo sobre os desafios que já enfrentou na busca por autoestima.

 Em entrevista à revista "Glamour" nesta quinta-feira (24), a cantora disse que encarou o procedimento no nariz no início da carreira porque acreditava que alterar sua aparência era sua única alternativa para que seu trabalho fosse visto.

"Achava normal ver outras famosas com plástica e pensava que não existia outra maneira, que meu talento só seria visto se eu tivesse a aparência certa. Isso estava no meu subconsciente, porque mesmo que eu não pensasse assim, existia essa pressão, me sentia mal, um patinho feio quando eu via minha aparência sendo debatida na internet. Isso mexeu comigo na época, eu só tinha 17 anos, mas ao mesmo tempo construiu quem eu sou hoje".

Manu ainda questionou qual é o real significado de beleza e disse que acredita haver um excesso de padrões aos quais garotas jovens estão expostas -- e perigosamente neles tentando se encaixar.

"Com o celular na mão o dia todo, fica mais fácil ter certos tipos de comparações com outras vidas e aparências, enfim, acho que isso fica até no seu subconsciente. Eu gosto muito de falar sobre isso porque quero mostrar que ninguém é perfeito, ninguém acorda se sentindo bem todos os dias, ninguém, isso é ilusório."

Para a cantora, discutir uma cirurgia plástica, por exemplo, não é um tabu -- mas, sim, uma oportunidade de falar sobre as ideias que estão por trás da decisão de fazer um procedimento como este.

"Nunca escondi que fiz cirurgia plástica, só nunca me foi perguntado e não tinha falado disso publicamente. Eu curto muito falar sobre cirurgia plástica porque não acho um bom exemplo, não que eu ache que as pessoas não devam fazer, acho que tem sim que fazer quando se sentir madura para tomar essa decisão, mas eu mesma, desde muito nova, fui praticamente obrigada pelas pessoas e por mim mesma, a entrar em um padrão de beleza que me foi imposto na época."

Manu, no entanto, diz que só passou a se sentir bem consigo mesma após muita reflexão, com a ajuda da mãe terapeuta. A cirurgia, acredita ela, não é garantia de uma autoestima saudável.

"Hoje eu estou muito satisfeita com a minha aparência. As pessoas falam que é muito fácil se aceitar depois de fazer plástica ou quando se encaixa em um 'padrão' e às vezes elas se esquecem que você está dentro desse 'padrão' idealizado, mas está se sentindo péssima. Eu acho que antes de você se olhar no espelho e se sentir bonita, você tem que se sentir bonita sem se olhar no espelho."

E por falar em aparência, ela ainda brincou com a semelhança com a amiga, Bruna Marquezine, que revelou também ser assunto entre elas.

"A gente se diverte muito, inclusive, quando ela cortou ainda mais o cabelo antes da viagem pra Noronha eu disse "tá, agora a gente está igual, agora eu concordo com todo mundo (risos)". Na verdade, eu sou uma versão miniatura dela, mas concordamos que realmente estamos parecidas, não tem como negar", se divertiu

"A nossa amizade é muito importante para mim, e eu sei que pra ela também, enfim, a gente se respeita, admira muito e conversamos sobre feminismo, nossas batalhas pessoais, enfim, acho que as nossas conversas ajudam muito no nosso crescimento, então é uma amiga pela qual sou muito grata, tenho muito carinho e amor", concluiu.