menu
Topo

Mães e filhos


Mães e filhos

Mãe se surpreende ao descobrir que os filhos adotivos são irmãos biológicos

Reprodução/People
Imagem: Reprodução/People

Da Universa

25/01/2019 18h20

Katie Page adotou Grayson em maio de 2017. Um mês depois recebeu a ligação de que Hannah precisava de uma mãe adotiva o mais rápido o possível e aceitou adotá-la. Mas a surpresa não foi a chegada da segunda criança, mas as novidades que ela trazia consigo.

Em entrevista à revista "People", a norte-americana afirmou que tanto ela como a agência de adoção tinham certeza de que as crianças eram de mães diferentes, isso porque as duas mulheres responsáveis por deixar as crianças lá possuíam sobrenomes diferentes.

O estopim para que Katie investigasse ainda mais a história aconteceu quando ela dava banho nas crianças e percebeu um detalhe idêntico nos bebês.

"Os dois tinham uma covinha no queixo e a outra marquinha só uma mãe notaria, porque fica coberta pela fralda", contou ela. "Todo mundo achou que eu estivesse louca. Acho que todo mundo achou ser algo difícil de acontecer, porque não teria muito o que fazer em relação a isso. Minha intuição estava me dizendo que tinha mais coisa por trás daquilo. Deixei tudo quieto até termos mais informações para confirmar a teoria".

Depois de um tempo, a mãe resolveu fazer um teste de DNA e descobriu que, de fato, Grayson e Hannah são irmãos biológicos - o que facilitou a adoção.

"Como eles são parentes, consegui ficar com a sua guarda. Era para eles se encontrarem, isso ficou claro. Eu acho que Deus planejou isso desde o começo. Se eles não fossem parentes, Hannah não teria ficado com a nossa família", opina.