menu
Topo

Direitos da mulher


Menina lamenta não "poder ser bombeiro" e recebe melhor incentivo

Da Universa

22/01/2019 15h42

A jornalista britânica Hannah Summers foi ao Twitter pedir uma valiosa - e feminista - ajuda de suas seguidoras. Sua filha Esme, de quatro anos, a procurou para dizer que gostaria de ser um menino "para que pudesse virar bombeiro".

"Quando eu disse que meninas também podiam ser bombeiras ela disse 'mas vi em livros que eles são todos meninos e não quero ser a única menina'", relatou a mãe.

Foi então que ela deu a deixa para uma manifestação de girl power em sua linha do tempo: "Algum livro ou vídeo bom que eu possa mostrar para ela?", pediu.

Hannah então recebeu uma série de tweets com mensagens de apoio ao sonho da menina e muitas fotos de bombeiras, como Pamela, Rebecca e de mais mulheres da Brigada de Londres:

Um dia depois, a menina já estava bem mais otimista e inspirada com as mensagens. Em agradecimento, a pequena fez um desenho para todas as bombeiras.