menu
Topo

Violência contra a mulher


Yael Stone, de "OITNB", acusa Geoffrey Rush de assédio sexual

Getty Images
Yael Stone e Geoffrey Rush Imagem: Getty Images

da Universa, em São Paulo

17/12/2018 09h30

Yael Stone, a Lorna Morello da série "Orange is the New Black", acusou o ator Geoffrey Rush de assédio sexual durante o período em que trabalharam juntos na peça "The Diary Of A Madman", entre 2010 e 2011.

Em entrevista ao jornal "The New York Times" no domingo (16), a atriz falou pela primeira vez sobre a violência que sofreu -- uma decisão que ela afirmou ter levado 6 meses para tomar, após contínuas noites sem dormir.

Yael contou que o ator teria dançado nu na sua frente e até chegado a usar um espelho para vê-la nua enquanto tomava banho. "Eu me lembro de olhar para cima e ver que havia um pequeno espelho de barbear acima da divisória entre os chuveiros e ele estava usando aquilo para olhar para o meu corpo nu."

Ela ainda afirmou que eles costumavam trocar mensagens de texto com frequência, mas elas as respostas que recebia começaram a se tornar mais sexuais. "Não havia parte do meu cérebro que considerasse falar com ninguém sobre isso oficialmente. Ele era uma grande estrela. O que iam fazer? Demiti-lo e ficar comigo?", questionou.

Geoffrey Rush afirmou em comunicado à imprensa que as alegações de Yael Stone são "incorretas e, em algumas ocasiões, foram tiradas totalmente de contexto."

Contudo, claramente a Yael ficou nervosa em alguns momentos pelo entusiasmo espirituoso que eu geralmente trago ao meu trabalho. Eu, sinceramente e profundamente, me arrependo se causei a ela qualquer desconforto. Esta não era, certamente, minha intenção.", afirmou.