menu
Topo

Sexo


6 posições e 6 táticas para a mulher usar quando estiver por cima no sexo

Heloísa Noronha

Colaboração para Universa

17/12/2018 04h00

Muitas mulheres têm mais facilidade para atingir o orgasmo quando estão por cima do cara. Além de poderem controlar melhor o ângulo do encaixe e a profundidade da penetração, é possível movimentarem os quadris de um modo bem prazeroso para elas.

O tesão de ficar no comando do sexo multiplica a excitação. E, para o homem, a estimulação diferente --mais para a frente e para trás do que para cima e para baixo-- ajuda a demorar mais tempo para ejacular, dando mais tempo para a mulher gozar. Além da posição cowgirl, um clássico que você fica montada no par de frente para ele, existem outras possibilidades para explorar, conforme mostram as dicas abaixo:

Veja também:

Posições

Lese Pierre
Imagem: Lese Pierre

1. Cowgirl invertida: em vez de montar de frente para o parceiro, fique de costas para ele. "Dessa forma, você tem dois bônus: a curvatura do pênis vai tocar o ponto G e você pode ficar mais à vontade para potencializar o prazer ao estimular seu clitóris", conta a consultora e palestrante de sensualidade Fernanda Pauliv, de Curitiba (PR).

Lese Pierre
Imagem: Lese Pierre

2. Papai-mamãe invertido: ele fica deitado de barriga para cima, com as pernas abertas, e você se deita sobre ele mantendo as pernas fechadas. Em vez de fazer o tradicional movimento de sobe e desce, deslize num sensual vaivém. "Assim você fica mais 'apertadinha' e a fricção no clitóris vai te levar à loucura!", diz Fernanda.

Lese Pierre
Imagem: Lese Pierre

3. Oral por cima: o cara fica deitado de barriga para cima, enquanto a mulher o monta e encaixa o rosto dele entre suas pernas. Ao se ajoelhar no rosto dele, há a possibilidade de controlar a intensidade do prazer do sexo oral.

Lese Pierre
Imagem: Lese Pierre

4. Encaixadinha sentada: nessa posição, os dois ficam sentados, sendo que a parceira se senta de costas para o parceiro. "O ideal é que os dois mantenham as pernas esticadas, assim ela pode rebolar no colo dele para ter mais contato e também sentir mais prazer", indica a coach sexual Juliana Baltazar, de São Paulo (SP).

Lese Pierre
Imagem: Lese Pierre

5. Agachamento erótico: é uma "configuração" que exige uma certa força nas pernas para praticar, mas que garante um prazer imenso porque é o agachamento da mulher que comanda a velocidade e a profundidade da penetração. Usar as mãos do parceiro como apoio permite controlar melhor os movimentos.

Lese Pierre
Imagem: Lese Pierre

6. Gangorra de apoio: a mulher apoia as mãos nas mãos do parceiro e ele levanta as
pernas, formando a posição de "gangorra". "É preciso avisar, no entanto, que como o peso dela fica totalmente apoiado no quadril dele, a penetração pode ser mais profunda e selvagem", admite Juliana.

Truques

1. Dependendo da posição, como na cowgirl (básica ou invertida), experimente inclinar sua pélvis para a frente, maximizando o contato entre o clitóris e o abdome.

2. Coloque uma almofada debaixo do bumbum do parceiro: é uma estratégia que faz com que a penetração seja mais profunda.

3. Se você sentir que a penetração está muito profunda, batendo no colo do útero e causando desconforto, experimente inclinar um pouco o corpo para a frente e se apoiar em seus braços ou antebraços, quase como quando o cara faz o tradicional "papai e-mamãe". 

4. Que tal experimentar todas essas posições acima em lugares diferentes da cama? Curta o sofá, o chão, uma cadeira embaixo do chuveiro... "Essas variações mudam o ângulo da penetração, o que pode proporcionar sensações diferentes, e a mudança de cenário pode deixar tudo mais apimentado", explica Fernanda.

5. Quando estiver praticando o oral por cima, aproveite para roçar toda a sua vulva --e não só o clitóris-- no corpo dele.

6. Em certas posições, como a "encaixadinha", deixe que o parceiro brinque com seus mamilos. Géis corporais eletrizantes ou que alternem as sensações de quente e frio podem tornar a experiência mais gostosa.