menu
Topo

Universa


Universa

Meghan Markle dispensa ajuda e escreve seus próprios discursos feministas

Getty Images
Meghan no Australian Geographic Awards Imagem: Getty Images

Da Universa

22/11/2018 12h09

Mesmo grávida de seu primeiro filho, Meghan Markle dispensa "firulas" e faz ela mesma coisas como fechar a porta do próprio carro.

De acordo com o documentário "Nova Vida: O Verdadeiro Diário da Princesa", a mesma regra vale para seus discursos: a duquesa de Sussex recusa a ajuda dos assessores e escreve ela mesma o que diz em público, especialmente quando a fala envolve questões feministas.

Veja também

Na família real, é comum que um grupo de especialistas em comunicação escreva o discurso -- com a aprovação de quem vai ler, claro. 

Durante sua turnê pela Oceania ao lado do marido, príncipe Harry, Meghan defendeu o voto feminino na Nova Zelândia e, em Fiji, falou sobre a importância da educação de qualidade para as meninas -- tudo escrito pela própria duquesa. 

Em julho, durante passagem pela Irlanda, ela defendeu a legalização do aborto

O fato foi percebido durante o discurso dela em Fiji, quando um jornalista notou que ela não lia um discurso formal, digitalizado, mas uma série de anotações escritas a mão. 

"Perguntei a um assessor se ela própria escreveu a fala, e ele me respondeu: 'Foi tudo ela, que está trabalhando há dias nesse discurso'", conta, no documentário, que vai ao ar nesta quinta-feira (22) nos Estados Unidos.  

Mais Universa