menu
Topo

Stalkeadas

Um olhar diferente - e xereta - sobre o que bomba nas redes sociais

Mãe posa amamentando a filha para foto da colação de grau e viraliza na web

Gustavo Frank

Da Universa

29/10/2018 19h50

O que era para ser uma "simples" foto da colação de grau, fez de Isis do Santos uma inspiração para milhares de outras mães na internet.

Na imagem compartilhada nesta segunda-feira (29) em seu Facebook, com mais de 18 mil curtidas e 14 mil compartilhamentos, a mato-grossense, que atualmente mora em Natal, no Rio Grande do Norte, aparece amamentando a filha Paola, de 2 anos, enquanto posa para o clique memorável de beca.

Veja também

“Eu fiquei muito surpresa com a repercussão da foto, nunca imaginava. Não tinha essa pretensão! Quando fiz as fotos já tinha conversado com minha família que queria tirar uma foto amamentando ela, gosto muito da amamentação. Foi bom para mim e para a saúde dela”, conta Isis à Universa.

Sobre a amamentação, ainda vista como um tabu para muitas pessoas, a mãe, de 30 anos, defende a prática em público e diz já ter sofrido represália muitas vezes – embora nenhuma delas a tenha feito abaixar a cabeça.

“Já me olharam muito feio! Às vezes as pessoas falam: ‘você não quer colocar um paninho não?’. E como eu sou muito desaforada, sempre respondo: ‘você coloca um pano na sua cara quando vai almoçar?’”, brinca ela, dizendo ainda ser toda tatuada e bater de frente com os preconceitos que encara na "sociedade machista".

Arquivo Pessoal
Imagem: Arquivo Pessoal

A esteticista, que afirma orgulhosamente ser mãe solteira, contou que já tinha o hábito de levar a filha para a escola e, para a conclusão do curso, seria justo que a pequena estivesse junto a ela.

“Na escola que eu estudava nunca tive problema em levar minha filha. Ninguém nunca reclamou, sempre nos receberam muito bem.”

Por fim, Isis, que cursa biomedicina no ensino superior, reforçou como a maternidade transformou a sua vida e como sempre contou com o apoio da sua família nesse período da sua vida.

“Minha filha mudou minha vida. Eu já tinha largado outras faculdades antes disso. Não valorizava muito, mas depois que fui mãe comecei a enxergar a vida de outra maneira. A vida real. E para mim ter terminado meu curso agora, foi uma superação”, reflete. “Sempre tive apoio da minha família para voltar a estudar. Desde o começo meus pais me apoiaram."