menu
Topo

Mães e filhos


Mães e filhos

Bella Falconi: "Não abro mão de minhas filhas, não terceirizo papel de mãe"

Ian Buosi
Imagem: Ian Buosi

Gustavo Frank

Da Universa

20/10/2018 11h27

Nos Estados Unidos, Bella Falconi posou para seu primeiro ensaio fotográfico após dar à luz Stella, sua segunda filha, em agosto para divulgar sua nova coleção de roupas com a Live!.

Em entrevista à Universa, a modelo contou estar vivendo um desafio com o retorno aos trabalhos após o parto, uma vez que ainda não sente estar completamente recuperada com seu corpo.

Veja também

“Está sendo um desafio, mas muito gostoso. Desafio porque não voltei meu corpo 100%, mas já estou me sentindo muito bem comigo mesma. Estou confiante e me amando de um jeito diferente. Abraçando minhas novas curvas e esse processo acontece dia após dia”, revela.

Ian Buosi
Imagem: Ian Buosi

Diferença entre as gestações

Mãe também de Victoria, de 3 anos, Bella comentou quais as diferenças notadas por ela entre as gestações das duas filhas, revelando os pontos altos e baixos.

“Com a Vicky eu ganhei mais peso, só que com a Stella tive polidrâmnio e quase tive diabetes gestacional. Tive que me cuidar bem mais. Acredito que, pelo fato de ter sido minha segunda gestação, tive menos ansiedade, porque já sabia como era o processo. Acho que curti mais, de certa forma. Trabalhei mais do que quando estava grávida da Vicky, fiquei mais solta. Essa é a palavra”, disse.

Mãe multitarefas 

A modelo disse ainda que a primogênita tem suas “crises de ciúmes” com a irmã caçula, mas está se acostumando com a nova rotina da mãe com tarefas duplicadas.

“Mãe é polvo, tem superpoder. A gente acha força de onde nem imagina para fazer tudo ao mesmo tempo. Eu não abro mão de ficar com minhas filhas, de ser mãe. Não terceirizo papel de mãe. Gosto de cuidar, escolher roupa, dar banho. Sou muito feliz assim, tento me dividir em duas.”

“Eu sempre tento achar um intervalo ao longo do dia para fazer as coisas que eu gosto, ficar com meu marido e me sentir bem. O sentir bem não é necessariamente estar sempre arrumada ou maquiada, é um estado de espírito. Sempre que acho o tempo eu cuido de mim, na soneca dela resolvo minhas coisas. Passo um blush, corretivo. Cada mulher tem uma forma diferente de lidar com a autoestima”, opinou.

Exposição nas redes sociais

Ian Buosi
Imagem: Ian Buosi

Quando questionada sobre a superexposição nas redes sociais e as respectivas críticas feitas pelos internautas, Bella afirma ter criado um "filtro" para absorver apenas o que interessa e deixar o "tóxico" de lado.

"Eu acho que independente de ser mãe ou não, muita gente recebe crítica. O importante é saber colocar um filtro e absorver o que é construtivo e deixar de lado as coisas que não edificam, é o que tento fazer. Absorvo somente o que eu acho que vais ser bom para o meu crescimento pessoal, o resto procuro não absorver por ser toxico e atraso de vida. As pessoas não têm direito de opinar sem saber a realidade dessas pessoas. É fácil falar sobre algo que a gente não conhece. Pisar num território que a gente não sabe exatamente como é. O território da maternidade é ainda mais propicio a isso. Muita mãe quer dar dica, mas é importante saber que cada filho é um filho, cada mãe é uma mãe. O que funcionou para uma pode não funcionar para a outra", opinou.

Transformação do corpo com a gravidez

Por fim, Bella comentou sobre as mudanças que sentiu no seu corpo, abrindo o jogo sobre a “flacidez, celulite e ganho de peso”.

“A maior transformação é a questão do corpo. A gente não pode negar o fato de que o corpo muda por completo e que provavelmente nunca mais vai ser o mesmo, né? Tem flacidez, celulite, ganho de peso. Acho que é isso, o segredo é entrar no barco sabendo o que te espera e ser feliz, independentemente de qualquer transformação ruim ou qualquer mudança que tenha no corpo que seja impactante. A grande jogada é estar preparada. Isso não vai fazer mais ou menos que ninguém. Ser mãe é uma bênção tão grande que supera qualquer dificuldade, obstáculo ou mudança”, concluiu.