menu
Topo

Diversidade

Seguranças que expulsaram fãs gays do show da Dua Lipa são presos

Reprodução/Instagram/@dualipa
Imagem: Reprodução/Instagram/@dualipa

Da Universa

17/09/2018 20h07

Depois de serem expulsos do show de Dua Lipa em Xangai, na China, os fãs gays da artista estão vendo justiça ser feita.

Segundo o “NME”, depois que a cantora chorou no palco e se manifestou em seu Instagram, as autoridades locais tomaram uma atitude a respeito e prenderam os seguranças responsáveis pela intolerância.

Veja também

Além da expulsão, Zhu, de 22 anos, e Nai, de 20 anos, bateram e discutiram com pessoas da plateia durante a apresentação da britânica.

Ambos os seguranças deverão ficar presos preventivamente por dez dias, enquanto a empresa responsável pela produção tomará as providências para que episódios como esse não se repitam.

Posicionamento de Dua Lipa

“Um show prometido. Eu fiquei ao lado deles, cantei com eles e dancei com eles. Eu vou ficar ao lado de todos pelo seu amor e crenças e eu estou orgulhosa e agradecida que vocês se sentiram seguros o suficiente para mostrar seu orgulho em meu show", escreveu ela na última quinta-feira (13).

A britânica ainda elogiou o posicionamento dos fãs, reforçando os ideais buscados por ela ao fazer parte da música e entretenimento.

“O que vocês fizeram requer muita bravura. Sempre quis que minha música mostrasse força, esperança e unidade. Fiquei horrorizada pelo o que aconteceu e eu envio meu amor a todos os fãs envolvidos. Eu adoraria voltar para vocês quando for a hora certa e espero ver uma sala cheia de arco-íris. Amo você, Shangai”, concluiu.

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário da Universa. É grátis!