menu
Topo

Transforma

Mulheres protagonizam um mundo em evolução

Kim Kardashian está estudando direito para apoiar presidiários silenciados

David Livingston/Getty Images
Imagem: David Livingston/Getty Images

Da Universa

13/09/2018 16h39

Depois de apoiar duas mulheres presas no sistema penitenciário dos EUA, dispondo-se inclusive a um encontro com Donald Trump, Kim Kardashian resolveu se empenhar ainda mais nessa causa.

Segundo seu marido, Kanye West, em entrevista a “US Weekly”, a socialite está estudando direito para poder se dedicar a ajudar pessoas que estão presas e tem suas vozes silenciadas.

Veja também

"Isso é algo muito importante para nós. Ela quer ajudar as pessoas que estão silenciadas por diferenças que existem entre as classes sociais. Há mais de 2 milhões de afro-americanos presos. Nós vamos tirá-los de lá", disse Kanye.

Vale lembrar que Kim Kardashian é filha do advogado Robert Kardashian, que ganhou notoriedade após representar o ex-jogador de futebol americano O.J. Simpson na Justiça, acusado de matar sua ex-esposa e amigo.

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário da Universa. É grátis!

Mais Transforma