menu
Topo

Recomenda

Dicas de filmes, séries, leituras, sons, espetáculos

Mulheres no protagonismo da imigração em NY, no novo livro de Maria Dueñas

Divulgação
O romance conta um pouco da força das espanholas na imigração nos EUA Imagem: Divulgação

Da Universa

09/09/2018 04h00

Maria Dueñas já escreveu “O tempo entre costuras” – livro que foi suscesso, vendeu mais de 100 mil cópias no Brasil e 5 milhões no mundo todo. Dessa vez, em “As Filhas do Capitão” (Editora Planeta, R$ 59,90), ela mergulhou na história comunidade espanhola que viveu em Nova Iorque na década de 1930 para contar a vida de três irmãs que, após serem obrigadas a deixar a Espanha, passam a cuidar do negócio do pai, que morreu.

As obras de Maria tem essa característica: mulheres muito fortes no comando. Esse é o capitão do título do livro e o protagonismo de suas filhas tira aquela imagem de que só os homens eram importantes das histórias de imigração.

Veja também

E, por ter tido uma longa carreira acadêmica (ela é doutora em Filologia Inglesa, professora titular da Universidade de Múrcia e já deu aulas em universidades norte-americanas), ela é conhecida por se dedicar muito tempo para as pesquisas dos seus livros. Além de tudo, é um romance mesmo, cheio de intrigas, reviravoltas e amores.

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário da Universa. É grátis!