menu
Topo

Mães e filhos

Álcool durante amamentação reduz habilidade cognitiva de bebê, diz estudo

Da Universa

30/07/2018 10h34

O consumo de álcool durante a gestação e amamentação pode ser altamente prejudicial para o desenvolvimento do bebê, como demonstra um novo estudo da Universidade de Macquarie, na Austrália, publicado na "Pediatrics".

Ao todo foram avaliadas 5.107 crianças que, desde 2004, foram examinadas a cada dois anos até os 11 anos de idade. As mães foram questionadas sobre consumo de álcool e cigarro durante a gestação e amamentação, baseados em perguntas da Organização Mundial de Saúde.

Veja também 

As crianças foram pesquisadas sob critérios de vocabulário, raciocínio não-verbal e demais processos cognitivos. Entre as conclusões está a de que as mães que mais consumiram álcool durante a amamentação têm os filhos com menores notas em raciocínio não-verbal entre 6 e 7 anos.

Já entre as fumantes, os efeitos cognitivos sobre as crianças não foram relevantes, mas os estudiosos lembram que o recorte é bem específico e que o cigarro apresenta outros problemas conhecidos sobre o desenvolvimento do feto.

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário da Universa. É grátis!