menu
Topo

Diversidade

Gerente é demitida após chamar polícia para homem negro com meia na piscina

Da Universa

08/07/2018 16h24

Em um post com aproximadamente 10 mil compartilhamentos no Facebook, Kam Porter denunciou uma gerente de um condomínio em Memphis, nos Estados Unidos, após ela ter chamado a polícia para deter seu namorado por estar usando meia na piscina.

Segundo Kam, ela e o namorado estavam sentados na beira da piscina, enquanto vigiavam as crianças, quando uma mulher que ela já percebeu estar cochichando sobre eles interviu entre os dois, apresentando-se como gerente do local, dizendo que o rapaz deveria tirar suas meias para ficar ali por não ser o “traje permitido para a piscina”, embora outras pessoas próximas também não estivessem respeitando tal norma.

Veja também: 

“Não são permitidas meias, camisetas, chapéus ou quaisquer outras coisas dessa natureza na piscina”, disse a gerente, de acordo com o post feito por Kam no Facebook.

O fato irritou o casal por ser uma regra aplicada unicamente à única família negra que estava na área de lazer. Kam então pediu a identificação da mulher e teve a seguinte resposta: “Eu não vou voltar atrás e seguir em frente com você. Vocês precisam sair daqui”.

Kam então disse que vestiria o que quisesse, pois, assim como todas as outras pessoas que estavam lá, ela pagava o aluguel e tinha o direito de usufruir da área como quisesse.

Passaram-se 20 minutos e uma viatura policial chegou ao local, como conta Kam, complementando com a informação de que eles ouviram os dois lados da história.

A gerente, na defensiva após a atitude racista, disse que Kam “perturbou a paz do local” após começar a filmá-la – atitude feita por ela para provar seu ponto de vista.

Após a repercussão do caso nas redes sociais, o Riverset Apartaments, local onde tudo aconteceu, se manifestou no Facebook, afirmando que a mulher havia sido demitida.

“Para confirmar, Sra. Walker foi demitida imediatamente após a conclusão das investigações sobre o caso. Ela nunca mais será contratada pela empresa ou qualquer uma de suas filiais no futuro”, escreveram.