Topo

Diversidade

The Sims é proibido em 7 países após atualização que incentiva causas LGBT

EA
Atualização do The Sims tem roupas de gênero neutro e características corporais diversas Imagem: EA

Da Universa

30/06/2018 10h12

O jogo "The Sims FreePlay" será banido de sete países por “não estar de acordo com regras regionais”. O comunicado da EA (Eletronic Arts), desenvolvedora do jogo, fez com que os fãs acreditassem que o problema é o fato de The Sims ter tido uma atualização que destruiu o conceito de gênero e criou mais conteúdo LGBT.

Com a atualização, o programa disponibilizou roupas de gênero neutro, diversos tipos de corpos e gravidez para todos os adultos – independente do sexo. Antes, a paixão e as carícias já podiam ser trocadas entre todos os tipos de personagens.

Veja também

O aplicativo não poderá mais ser baixado na China, em Omã, no Kuwait, na Arábia Saudita, no Catar, nos Emirados Árabes Unidos e no Egito a partir do próximo dia 5. Segundo o comunicado da EA, os usuários que já têm The Sims no celular poderão continuar acessando o jogo. Contudo, o download ficará indisponível.

“Sempre nos orgulhamos das experiências de diversidade no jogo, já que elas também existem na nossa comunidade. Isso é muito importante para nós, e sabemos que também é para vocês”, diz a EA.

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário da Universa. É grátis!