menu
Topo

Relacionamentos

Dia dos Namorados: os "mimos" ostentação que famosos deram a seus amados

Da Universa

12/06/2018 12h09

Enquanto nós, reles mortais, nos contentamos em comemorar o Dia dos Namorados com um jantar romântico, tem casal em Hollywood que esbanja em criatividade (e em dólares, claro) na hora de agradar o mozão. Já rolou troca de Ferrari, ilha, um estádio inteiro e até lojas do Burger King... 

Jay-Z e Beyoncé 

A post shared by Beyoncé (@beyonce)

on

Depois que ganhou um jatinho avaliado em 150 mil reais de Beyoncé, Jay-Z resolveu retribuir o "mimo". Em 2013, o rapper comprou nada menos que uma ilha paradisíaca nas Bahamas para curtir os dias de folga com amada sem assédio da mídia. O "cantinho" romântico custou 6 milhões de reais. 

Justin Bieber e Selena Gomez

AP Photo/Carlo Allegri
Imagem: AP Photo/Carlo Allegri

O presente de Justin para a então namorada foi "apenas" uma sessão de cinema no Staples Center, estádio oficial dos Lakers, que estava reservado apenas para os dois. Na ocasião, em 2011, os pombinhos jantaram e assistiram a "Titanic" no telão. 

Kanye West e Kim Kardashian 

O casal milionário merecia uma lista inteira só para eles, mas do histórico ostentação de Kim e Kanye vale destacar um "mimo" que muita gente gostaria de ganhar: 10 lojas do Burger King! Isso mesmo: o rapper comprou as unidades da franquia de hambúrgueres e deu de presente à esposa, junto com ações de empresas como Adidas, Disney e Netflix. 

Travis Scott e Kylie Jenner

A post shared by Kylie (@kyliejenner)

on

O casal não está mais junto, mas do relacionamento de quase um ano nasceu a pequena Stormi. Quando a bebê Kardashian nasceu, em janeiro, seu pai deu a sua mãe nada menos que uma Ferrari avaliada em 4,5 milhões de reais. Belo presente de boas-vindas, não? 

Russell Brand e Katy Perry

Reuters
Imagem: Reuters

Katy Perry presenteou o ex-marido com um "mimo" que pode parecer impossível: uma viagem ao espaço! O passeio teria custado cerca de 700 mil reais à cantora e exigiria de Russel um treinamento de três dias antes do embarque. Como o casal se divorciou pouco tempo depois, não se sabe se ele realmente fez a viagem – mas o que vale é a intenção, né?