menu
Topo

Mães e filhos

Taxa de amamentação é menor em países mais ricos, diz relatório da Unicef

iStock
Imagem: iStock

Da Universa

23/05/2018 10h23

Apesar de toda a informação disponível sobre a importância do aleitamento materno, muitos países ainda apresentam uma taxa baixa e preocupante de bebês que são amamentados. Segundo relatório (em inglês) recente da Unicef, o problema maior está entre as nações mais ricas.

A publicação, que reuniu dados de 123 países, aponta que em locais de renda baixa ou média, apenas 4% das crianças nunca são amamentadas contra a porcentagem gritante do mesmo problema entre países ricos: 21%!

Veja também

Entre as exceções de países em que proporcionalmente a amamentação é seguida estão Uruguai, Oman e Suécia. Já nos EUA, 74% raramente são amamentados e na Irlanda, o índice chega a 55%.

Até quando amamentar

Segundo recomendação da própria Unicef e da OMS, as crianças devem receber o leite materno até os dois anos de idade. Entre as famílias mais pobres, 64% das crianças chegam a essa idade com esse cuidado. Já entre as mais ricas, apenas 41% seguem a orientação.