Violência contra a mulher

Na Colômbia, aluna filma assédio de professor em universidade e o denuncia

Getty Images/iStockphoto
Imagem: Getty Images/iStockphoto

Da Universa

05/05/2018 14h36

Lizeth Lorena Sanabria, estudante de mestrado da Universidade Nacional da Colômbia, denunciou ter sido abusada sexualmente por Freddy Alberto Monroy, seu professor e orientador. A informação é do jornal "El Tiempo".

Para provar a denúncia, Lizeth filmou uma das agressões e, inclusive, a disponibilizou no YouTube (o vídeo pode ser visto também abaixo). Nas imagens, o professor não só tenta beijar a estudante insistentemente, apesar dos nãos dela, como toca outras partes de seu corpo. 

Veja também

Segundo Lizeth, desde que iniciou seus estudos de mestrado, Freddy foi muito cordial, disposto a aconselhá-la academicamente, para que ela ganhasse confiança.

"Ele é muito habilidoso, ganha a confiança das pessoas demonstrando interesse no seu trabalho acadêmico", disse a jovem, que ainda confessou que antes da fatídica gravação ocorreu um outro ato de assédio.

Em uma carta enviada à Universidade Nacional da Colômbia, ela contou que nessa ocasião estava dentro do quarto escuro de um dos laboratórios do centro educacional com a professoro, que estava mostrando a ela "uma experiência com um laser". "Ele me levou contra a parede e tocou minha cintura e seios. Apesar da minha rejeição, pediu para lhe dar um 'seinho' (...). Eu consegui separá-lo de mim, dizendo que, naquela época gostaria de nenhuma relação com qualquer pessoa (...) Ele, ansioso, me tocou nos seios outra vez, dizendo: 'Deixe-me sentir, deixe-me dar-me esse prazer' ."

Depois da violência, Lizeth caiu em depressão e pediu à universidade que trocasse de orientador. O professor aceitou renunciar da aluna. 

Logo após a renúncia, Lizeth recebeu por WhatsApp uma mensagem de outra estudante, dizendo que também era vítima de assédios de Freddy. Nesse momento, Lizeth sentiu que precisava de provas contra o professor, para poder de fato realizar uma denúncia contra ele. Foi quando teve a ideia de filmar o próximo abuso. 

Até então, apenas uma mensagem de repúdio contra os abusos foi publicada no Twitter do reitor da universidade. 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está fechada

Não é possivel enviar comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

O UOL está testando novas regras para os comentários. O objetivo é estimular um debate saudável e de alto nível, estritamente relacionado ao conteúdo da página. Só serão aprovadas as mensagens que atenderem a este objetivo. Ao comentar você concorda com os termos de uso. O autor da mensagem, e não o UOL, é o responsável pelo comentário. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário da Universa. É grátis!

Da Universa
AFP
Da Universa
Da Universa
Da Universa
AFP
Estadão Conteúdo
Blog da Regina
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
BBC Brasil
BBC
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
ANSA
Da Universa
Da Universa
Da Universa
BBC
BBC
Da Universa
AFP
Da Universa
AFP
Da Universa
BBC
Da Universa
Da Universa
AFP
Da Universa
ANSA
Da Universa
Da Universa
DW
EFE
AFP
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Bloomberg
ANSA
Da Universa
Da Universa
Topo