Mães e filhos

Comer poucas frutas e muito fast-food diminui as chances de engravidar

Getty Images
Imagem: Getty Images

Da Universa

04/05/2018 14h12

Se você quer ser mãe, fique de olho no prato. Segundo um novo estudo da Universidade de Adelaide, na Austrália, um grande vilão da fertilidade é o consumo excessivo de fast-food. Por outro lado, frutas são grandes aliadas na hora de pensar em aumentar a família.

Comparadas a mulheres que comem frutas de três a mais vezes por dia, aquelas que não chegam a esse número correm mais riscos de serem inférteis. Para aquelas que só consomem esses produtos de uma a três vezes por mês, o risco de infertilidade é 29% maior.

Veja também

Divulgado no periódico "Human Reproduction", o estudo também revela que quanto mais fast-food, maior o risco de infertilidade. Quem não consome esse tipo de alimento tem 41% menos chance de ter dificuldades para engravidar.

Ao todo foram 5.500 mulheres pesquisadas no Reino Unido, Irlanda, Austrália e Nova Zelândia. Segundo os pesquisadores, o estudo demonstra que mudanças pequenas na dieta podem causar grande diferença na hora de tentar engravidar e que alimentação deve ser um fator a ser considerado entre os casais que estão “tentando”.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está fechada

Não é possivel enviar comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

O UOL está testando novas regras para os comentários. O objetivo é estimular um debate saudável e de alto nível, estritamente relacionado ao conteúdo da página. Só serão aprovadas as mensagens que atenderem a este objetivo. Ao comentar você concorda com os termos de uso. O autor da mensagem, e não o UOL, é o responsável pelo comentário. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário da Universa. É grátis!

BBC
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
DW
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
DW
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
BBC
Da Universa
Da Universa
Da Universa
BBC
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
BBC
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
AzMina
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
DW
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
BBC
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Topo