Sexo

Matemática do sexo: números que toda mulher deve saber para transar melhor

iStock
Imagem: iStock

Heloísa Noronha

Colaboração para a Universa

23/03/2018 04h00

Ter uma vida sexual saudável e prazerosa não depende só da experiência que se acumula ao longo da vida. Tem mais a ver com conhecimento, sabia? Conhecimento não só a respeito do próprio corpo, mas de toda e qualquer informação que possa ajudar a entender melhor como o desejo, a libido e a anatomia funcionam. Para ajudar você nessa empreitada, listamos alguns números importantes para incluir no seu repertório:

Os tempos do orgasmo

O tempo médio que uma mulher leva até atingir o orgasmo é de mais ou menos 8 minutos. Mas há quem demore de 10 a 20 minutos. O orgasmo feminino dura de 6 a 10 segundos, porém, algumas mulheres podem gozar por até 20 segundos.

Leia mais

Preliminares das boas

A mulher precisa de cerca de 20 a 30 minutos de preliminares bem feitas para ter um orgasmo vulcânico.

Frequência sexual

Endocrinologistas das universidades norte-americanas de Columbia e Sanford afirmam que mulheres que fazem sexo pelo menos 1 vez por semana têm ciclos menstruais mais regulares do que aquelas que transam de vez em quando.

O sensibilíssimo clitóris

Com cerca de 8 mil terminações nervosas (o dobro do número encontrado na cabeça do pinto), o clitóris é extremamente sensível e a única parte do corpo humano com a função única de proporcionar prazer. E ainda dizem que a gente tem inveja do pênis…

Caminho do ponto G

Quer achar o ponto G? Coloque o dedo indicador 5 centímetros dentro do canal vaginal e incliná-lo para cima, na direção da barriga, vai encontrar um tecido esponjoso. Voilá!

Olá, ponto A

O ano de 1993 foi bem importante para o prazer feminino, pois marcou a descoberta do ponto A, identificado por Chua Chee Ann, um pesquisador da Malásia. Apesar das divergências sobre o seu local exato, sabe-se que ele se encontra depois do ponto G, entre o cérvix e a bexiga. 

Clitóris, este gigante

O clitóris é bem maior do que parece. Seu tamanho real é de, acredite, cerca de 8 centímetros! Quem descobriu isso foi Helen O’Connell, uma renomada urologista australiana. Sua pesquisa revelou ainda que o clitóris apresenta dois bulbos de tecido erétil que descem ao longo da vulva, chamados bulbos de vestíbulo. Eles incham de sangue quando excitados, tornando a uretra e o canal vaginal mais sensíveis.

Muita mulher ainda não se masturba

Segundo a pesquisa Mosaico 2.0, conduzida pela psiquiatra Carmita Abdo, coordenadora do ProSex (Programa de Estudos em Sexualidade) do IPq-USP (Instituto de Psiquiatria do Hospital das Clínicas da Universidade de São Paulo), cerca de 40% das brasileiras não costumam se masturbar. Dessas, 19% jamais experimentaram a prática.

E isso dificulta o orgasmo

Os dados, divulgados em 2016, encontram eco na dificuldade das brasileiras de atingir o orgasmo (cerca de 30%, de acordo com outros estudos). O conhecimento do próprio corpo e das formais mais satisfatórias de obter prazer são fundamentais para a mulher ter uma vida sexual mais plena em parceria.

Masturbação e gozo

Em 1940, o biólogo americano Alfred Kinksey estudou o comportamento sexual de 18 mil casais e concluiu que as mulheres demoram apenas 4 minutos para gozar com a masturbação.

Eles X elas

Para que o homem fique excitado, seu organismo precisa bombear cerca de 10 ml de sangue para seu pênis. Já o órgão sexual feminino, que é mais complexo, precisa de cerca de 200 ml de sangue. Daí a importância das preliminares para a mulher.

Calma no sexo anal!

40 segundos, em média, é o tempo que demora para que o segundo esfíncter do ânus (cerca de 2cm depois da entradinha) naturalmente se relaxe e torna a penetração mais confortável para a mulher.

Lubrificante? Aceito

A partir dos 50 anos de idade, o uso de lubrificante se torna imprescindível para a mulher, mesmo quando ela for se masturbar com brinquedos. A queda hormonal faz com que a vagina se torne mais ressecada e sensível aos atritos.

A média da brasileira

A média de profundidade do canal vaginal da mulher brasileira é de 12 a 14 centímetros. Vale lembrar que trata-se de um canal elástico formado por músculos que esticam bastante durante o parto normal, voltando depois ao tamanho normal.

Orgasmo clitoriano

Cerca de 80% dos orgasmos femininos acontecem via clitóris, o que indica a relevância do sexo oral e da penetração associada a um brinquedinho para chegar lá mais facilmente.

Orgasmo sobre saltos

Sapatos com saltos entre 4 e 5 centímetros podem ajudar a mulher a gozar com mais facilidade. Segundo um estudo da Universidade de Verona (Itália), usar um pequeno salto ajuda a relaxar e a fortalecer os músculos da região pélvica, intensificando as contrações durante o orgasmo. Segundo Maria Cerruto, coordenadora da pesquisa, o efeito positivo não aumenta de acordo com o tamanho do salto.

Bora gastar a reserva?

Um estudo realizado pelo Instituto Internacional de Análise Bioenergética de Nova York (EUA) concluiu que todo ser humano nasce com um potencial médio de 5 mil orgasmos para toda a vida. 

Fontes: Erica Mantelli, ginecologista e obstetra de São Paulo (SP); Leila Campos, sexóloga e terapeuta sexual, de Macaé (RJ); livro “O guia dos curiosos – Sexo” (Panda Books), de Marcelo Duarte e Jairo Bouer, e Tatiana Presser, psicóloga, sexóloga e autora do livro “Vem Transar Comigo” (Ed. Rocco)

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

O UOL está testando novas regras para os comentários. O objetivo é estimular um debate saudável e de alto nível, estritamente relacionado ao conteúdo da página. Só serão aprovadas as mensagens que atenderem a este objetivo. Ao comentar você concorda com os termos de uso. O autor da mensagem, e não o UOL, é o responsável pelo comentário. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário da Universa. É grátis!

Blog da Regina
Blog Deu Match
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Blog da Regina
Da Universa
Blog da Regina
Da Universa
Da Universa
Blog Deu Match
Da Universa
Blog Deu Match
Da Universa
Mayumi Sato
Da Universa
Blog Deu Match
Blog da Regina
Da Universa
Blog Deu Match
Da Universa
Da Universa
Blog da Regina
Blog Deu Match
Mayumi Sato
Blog da Regina
Blog Deu Match
Blog da Regina
Da Universa
Da Universa
Blog da Regina
Da Universa
Da Universa
BBC
Blog da Regina
Da Universa
Da Universa
Blog Deu Match
Da Universa
Blog Deu Match
Blog da Regina
Da Universa
BBC
do UOL
Blog da Regina
Blog da Regina
Da Universa
Mayumi Sato
Blog Deu Match
Da Universa
Topo