Por uma causa

Mariana Ximenes sobre tragédia ambiental: "São cidades fantasmas de lama"

Usar apenas em matéria de Universa
Mariana Ximenes em Bento Rodrigues, distrito de Mariana; foi lá que a campanha #NãoEsqueçaMariana foi gravada Imagem: Usar apenas em matéria de Universa

Natacha Cortêz

da Universa

10/03/2018 04h00

Mariana Ximenes quer chamar sua atenção para a atual situação das regiões atingidas pela lama do rompimento da barragem operada pela mineradora Samarco, em 2015, na cidade de Mariana, em Minas Gerais.

Mais de dois anos depois desse que é visto como o maior desastre da indústria da mineração do Brasil --foram, ao menos, 40 bilhões de litros de lama, que se espalharam por 650 quilômetros até o Oceano Atlântico, além de 19 mortos--, a atriz volta seus olhos para o que sobrou dele por meio da campanha #NãoEsqueçaMariana, com divulgação nas redes sociais. 

Veja também

“Ninguém foi punido pelo que aconteceu nesses lugares. Nem nada foi reconstruído. Apenas 2% das áreas verdes e 10% das nascentes foram recuperadas. Metade das pessoas atingidas não recebeu sequer auxílio emergencial”, conta Mariana, que foi ver de perto os escombros em Bento Rodrigues, distrito de mariana, onde a campanha foi filmada.

Além dessa cidade, outros municípios de Minas Gerais (Barra Longa, Santa Cruz do Escalvado, Ipatinga, Periquito, Governador Valadares, Tumiritinga, Galileia, Conselheiro Pena, Resplendor, Aimorés) e alguns do Espírito Santo (Baixo Guandu, Colatina e Linhares) sofreram com o desastre, que afetou 1,2 milhão de moradores. Vítimas ainda esperam ser reassentadas e lutam por indenizações em processos que se arrastam na Justiça.

Nas imagens, Mariana aparece em meio às ruínas: a escola municipal, casas de moradores e o principal bar do distrito. Enquanto isso, manchetes genéricas de sua vida de celebridade acompanham as cenas. Ao fina do vídeo, o contraste é exposto: talvez o público esteja prestando atenção demais na Mariana errada.

Abracei a causa como se fosse minha, apesar de não ser mineira. Quis entender o tamanho da tragédia e as consequências dela na vida das vítimas até hoje

Vamos fazer barulho? #NãoEsqueçaMariana @Naoesquecamariana Foto: Marcos Ramos/oglobo

Uma publicação compartilhada por Mariana Ximenes (@marixioficial)

em

A iniciativa é uma parceria da própria atriz, que marcou reunião com o prefeito de Mariana para ficar a par da situação da região, com a agência mineira Filadélfia e a produtora de filmes Brokolis do Brasil.

“Nosso objetivo é não deixar que o maior desastre ambiental do Brasil seja esquecido. Não devemos nos conformar com esse abandono. São verdadeiras cidades fantasmas de lama. O que fiz foi usar meu nome para chamar atenção para o descaso, justamente para que se volte a falar da tragédia e que o assunto chegue aos governantes e responsáveis”, diz ela.

Para saber como ajudar as vítimas da tragédia da lama, acesse o site da campanha

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

O UOL está testando novas regras para os comentários. O objetivo é estimular um debate saudável e de alto nível, estritamente relacionado ao conteúdo da página. Só serão aprovadas as mensagens que atenderem a este objetivo. Ao comentar você concorda com os termos de uso. O autor da mensagem, e não o UOL, é o responsável pelo comentário. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário da Universa. É grátis!

Da Universa
Topo