Topo

Direitos da mulher

Atrizes que denunciaram Weinstein chegam juntas ao Oscar 2018

Getty Images
As atrizes Ashley Judd e Mira Sorvino no tapete vermelho do Oscar 2018 Imagem: Getty Images

Do UOL

04/03/2018 21h55

As atrizes Ashley Judd e Mira Sorvino chegaram juntas para 90ª edição do Oscar, em Los Angeles, neste domingo (4). 

Elas foram as primeiras a denunciarem o produtor Harvey Weinstein por assédio sexual. Judd e Sorvino contam que tiveram a carreira prejudicada por Weinstein por não terem cedido as investidas do abusador.

Veja também:

O diretor Peter Jackson revelou que Harvey Weinstein o impediu de escalar Ashley e Mira para o elenco de “O Senhor dos Anéis”. “Lembro da Miramax dizer para nós que elas eram um pesadelo e deveríamos evitar trabalhar com elas a todo custo. Isso provavelmente foi em 1998”, afirmou o diretor ao “Stuff”, site da Nova Zelândia, país de origem do diretor.

Ao contrário de Globo de Ouro, BAFTA e Grammy, o Oscar 2018 não tem celebridades em protesto com vestidos de gala pretos. Pouco antes de começar a maior festa do cinema, o movimento Time's  Up disse em sua conta oficial no Instagram que, mais do que liberadas, as cores variadas dos looks das famosas que vão cruzar o tapete vermelho neste domingo (4) representam o crescimento do grupo, que trabalha contra o assédio em Hollywood. 

Jane Fonda apostou no look total branco da marca Balmain para destacar seu broche da campanha "Time's Up" no tapete vermelho.

Confira os looks:

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário da Universa. É grátis!