menu
Topo

Universa

Nicole Kidman diz que mulheres de mais de 40 sofrem preconceito na carreira

Getty Images
Nicole Kidman no SAG Awards, onde fez discurso contra o ageísmo Imagem: Getty Images

do UOL, em São Paulo

22/01/2018 10h40

Nicole Kidman é uma das mulheres mais bem-sucedidas de Hollywood, mas nem ela escapou ao preconceito de idade no mercado de trabalho.

Em seu discurso no SAG Awards, que aconteceu neste domingo, 21, a atriz de 50 anos celebrou o recente crescimento de papeis para mulheres maduras no cinema e na tevê americanas, um fenômeno ainda tímido e fruto do empoderamento de mulheres como ela e Reese Witherspoon, produtoras de "Big Little Lies", que alcançaram posições de poder e mudaram o cenário da indústria. 

Veja também

"Que maravilhoso que hoje nossas carreiras podem ir além dos 40 anos. Há 20 anos, estaríamos apagadas nessa fase de nossas vidas. Nós estamos provando que somos potentes, poderosas e viáveis”, disse ao receber seu prêmio de Melhor Atriz em Minissérie ou Filme para TV.

"Eu apenas imploro que a indústria permaneça conosco, porque nossas histórias finalmente estão sendo contadas. É apenas o começo e estou muito orgulhosa de fazer parte de uma comunidade que está instigando esta mudança".

"Mas peço aos roteiristas, diretores, estúdios e patrocinadores que coloquem paixão e dinheiro por trás de nossas histórias. Provamos que podemos continuar a fazer isso, mas apenas com o apoio da indústria, desse dinheiro e dessa paixão”, concluiu Nicole.

Em "Big Little Lies", a atriz interpreta Celeste, uma mulher que sofre violência doméstica por parte do marido. 

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário da Universa. É grátis!

Mais Universa