menu
Topo

Universa

Príncipe gay abre portas de seu palácio em apoio à comunidade LGBT

Getty Images
O príncipe indiano Manvendra Singh Gohil Imagem: Getty Images

Do UOL, em São Paulo

18/01/2018 15h33

Manvendra Singh Gohil, o único príncipe assumidamente gay na Índia - onde as relações entre o mesmo sexo são ilegais - está abrindo as portas de seu palácio para pessoas da comunidade LGBT que sofrem por sua sexualidade.

O príncipe herdeiro do trono de Rajpipla, no oeste de Gujarat, considera particularmente difícil se assumir nas cidades pequenas da Índia, onde os valores tradicionais dominam e as relações heterossexuais são a norma. "As pessoas ainda enfrentam muita pressão de suas famílias quando se assumem e são obrigadas a se casar ou são expulsas de suas casas. Elas geralmente não têm para onde ir, nenhum meio para se sustentar ", disse ele em entrevista à Fundação Thomson Reuters.

Leia mais

 
Por este motivo, o príncipe está construindo um centro em prol da causa LGBT em seu palácio. "Eu não vou ter filhos, então pensei, por que não usar esse espaço em prol de uma boa causa?", disse. O príncipe acrescentou que irá oferecer quartos, instalações médicas e cursos de inglês e habilidades vocacionais para ajudar as pessoas e encontrarem empregos.

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário da Universa. É grátis!

Mais Universa