Mães e filhos

Bebê indiana que nasceu pesando menos de 400g recebe alta após 6 meses

Reprodução/The Sun
Manushi agora está pronta para ir para casa Imagem: Reprodução/The Sun

do UOL, em São Paulo

18/01/2018 15h02

O nascimento da indiana Manushi em junho de 2017 — cerca de três meses antes do tempo previsto — se tornou manchete na imprensa internacional por causa de sua fragilidade: ela pesava apenas 396 gramas quando veio ao mundo.

Agora, ela volta a ser notícia: os médicos do Jivanta Children's Hospital, em Udaipur, anunciaram que ela está pronta para receber alta ainda esta semana.

Veja também

A sobrevivência de Manushi, sem sequelas, foi considerada um milagre pelos pais. "Ela simplesmente lutou, lutou e lutou contra todas as probabilidades e conseguiu vencer", disse à ao jornal britânico "The Sun" a mãe, Seeta, que teve uma gravidez tardia aos 48 anos repleta de episódios de pressão alta.

Reprodução/The Sun
A bebê indiana quando nasceu, em junho de 2017 Imagem: Reprodução/The Sun

As complicações se intensificaram com o avanço da gestação e um ultrassom na 28ª semana revelou que a placenta não recebia sangue suficiente. Foi então que os médicos decidiram fazer uma cesariana de emergência. 

Manushi nasceu medindo 21 centímetros e não tinha rins, coração e cérebro totalmente desenvolvidos — o que prolongou sua estada na UTI neonatal. Por sete semanas, ela teve que receber alimentação parenteral, ou seja, os nutrientes foram inseridos na corrente sanguínea até que ela pudesse finalmente tomar leite materno. 

Sua respiração também foi mantida nos primeiros meses por um ventilador. Hoje, Manushi pesa 2,3 kg e está pronta para ir para casa.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

O UOL está testando novas regras para os comentários. O objetivo é estimular um debate saudável e de alto nível, estritamente relacionado ao conteúdo da página. Só serão aprovadas as mensagens que atenderem a este objetivo. Ao comentar você concorda com os termos de uso. O autor da mensagem, e não o UOL, é o responsável pelo comentário. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário da Universa. É grátis!

Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
BBC
Da Universa
Da Universa
BBC
Da Universa
Da Universa
Da Universa
BBC
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Mães e filhos
Da Universa
Da Universa
Da Universa
ANSA
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
DW
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Da Universa
Topo