menu
Topo

Universa

9 dicas para economizar grana e tirar o sonho do papel em 2018

Getty Images
Imagem: Getty Images

Claudia Dias

Colaboração para o UOL

29/12/2017 04h00

"Deste ano, não passa!" Quantas vezes você já disse isso para aquele sonho antigo que nunca sai da zona da idealização? Em vez de repetir a promessa e, mais uma vez, não cumpri-la, é hora de você realmente focar no objetivo para concretizar sua vontade.

Veja também

E não tem milagre. Se não há perspectiva de nenhuma fonte nova de grana pela frente - aumento de salário, frilas novos, herança… -, o jeito é mudar o foco, o comportamento e os hábitos para conseguir economizar. Saiba o que você precisa fazer para chegar lá:

1. Mude as prioridades

Se antes você comprava algo especial ou fazia um investimento apenas quando sobrava algum dinheiro no final do mês, passe a colocar seus desejos no topo das prioridades. Assim, quando receber seu salário, a primeira coisa a fazer é separar um valor xis para conseguir trocar o carro, fazer aquela viagem planejada há anos ou qualquer que seja seu sonho. Não deixe seu objetivo como último item da lista.

2. Quantifique seu sonho

Getty Images
Imagem: Getty Images

Quer comprar um computador novo ou fazer um curso naquela instituição bacana? Saiba exatamente quanto isso vai lhe custar e estabeleça um prazo para realizar esse projeto. Desta forma, consegue definir quanto precisa economizar por mês. Esse valor deverá ser investido, para render juros todos os meses. Além disso, não pode ficar em conta corrente, fácil e acessível, correndo o risco de ser utilizado a qualquer momento.

3. Controle as finanças diariamente

Faça um raio X no seu orçamento doméstico, considerando, inclusive, pequenas despesas do dia a dia - sorveteria, padaria etc -, já que tais gastos podem responder por boa parte dos gastos do mês e você nem perceber. Adote uma planilha ou aplicativo no smartphone e inclua todo e qualquer consumo. Visualizando suas contas, vai ser mais fácil eliminar gastos - e se precisar, faça-o sem dó. Dica: separe as despesas por categoria, como comida, gorjetas e roupas, por exemplo. Desta forma conhecerá seu comportamento e saberá quais itens pode reduzir ou eliminar.

4. Abra mão de algo

Sonhar é importante, mas é preciso ser realista na hora de concretizá-lo, o que significa abrir mão de algo. Podem ser horas a menos de diversão em troca de horas extras de trabalho, corte de gastos com entretenimento ou mudança de hábitos. Alguma coisa será necessário cortar para que atinja seu objetivo financeiro.

5. Venda o que não usa mais

Tem eletrodomésticos que mal são usados em casa? Ao lado dos eletrônicos, esses itens podem ser vendidos ou mesmo alugados - algo muito bem-vindo em tempos de economia compartilhada. Desapegue e venda para conhecidos, redes sociais ou em sites especializados. Se um dia precisar novamente, poderá emprestar de alguém, alugar ou mesmo comprar de segunda mão.

6. Compre à vista

Getty Images
Imagem: Getty Images

Em vez de comprar algo e pagar em 10 vezes, considere economizar (e esperar) durante esse período para ter dinheiro em mãos e fazer um bom negócio à vista. E se a loja não oferecer nenhuma vantagem para o pagamento integral no ato da compra, procure outros estabelecimentos, inclusive os menores, de bairro. Pesquisar é a chave para bons negócios.

7. Reveja os pacotes contratados

Pelo menos uma vez por ano é importante rever os preços dos pacotes contratados, como de TV a cabo, internet e planos de celular. Avalie se está utilizando tudo o que paga ou se poderia reduzir os pacotes mensais. Além disso, não esqueça que as empresas podem lançar promoções de tempos em tempos, oferecendo mais vantagens. Vale ficar de olho constantemente e conferir.

8. Economize nas contas básicas

Getty Images
Imagem: Getty Images

Pode parecer banal, mas atitudes simples, como desligar a TV se ninguém estiver assistindo ou fechar a torneira ao escovar os dentes, geram uma boa economia mensal - e às vezes a gente nem nota essa possibilidade. Teste durante um mês: procure tomar banhos mais curtos, tire aparelhos da tomada e lave todas as roupas de uma vez. E direcione a quantia economizada na conta de serviços básicos para a poupança dos sonhos.

9. Experimente coisas novas

Para economizar, é importante mudar hábitos e comportamentos. Observe o que te leva ao consumo desnecessário e procure mudar suas atitudes. No mercado, por exemplo, experimente novos produtos e novas marcas, mais baratas. Em vez de passear no shopping, vá para o parque. Práticas como essa vão refletir no orçamento mensal - que será mais enxuto.


Fontes: Bruno Chacon, educador financeiro da DSOP Educação Financeira; Carlos Afonso, professor, especialista em finanças e consumo e autor do livro "Organize suas finanças e saia do vermelho"; Fábio Yamamoto, sócio da Tiex!; Reinaldo Domingos, do canal Dinheiro à Vista, presidente da Associação Brasileira de Educadores Financeiros (Abefin) e da DSOP Educação Financeira e autor do livro "Terapia Financeira".

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário da Universa. É grátis!

Mais Universa