menu
Topo

Mães e filhos

Febre desde 2016, cauda de sereia para crianças é alvo de campanha

Divulgação
Imagem: Divulgação

Do UOL

28/12/2017 14h38

Com a chegada do verão, piscina e praia são atividades perfeitas para distrair as crianças, mas um item que tem feito cada vez mais sucesso também tem causado muita preocupação. As caudas de sereia, febre desde 2016 e ainda mais famosa após a novela "A Força do Querer", agora são alvo de uma campanha do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro).

Segundo a instituição, estudos apontaram, em todos os cenários considerados, o risco grave associado à cauda de sereia, destacando que seu uso pode levar a afogamento e morte. Para discutir o tema, o Inmetro criou, ainda, uma Comissão Técnica, formada pela Sociedade Brasileira de Salvamento Aquático (Sobrasa); pela Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP); e pela ONG Criança Segura Safe Kids Brasil.

Já no começo do ano passado, especialistas contraindicavam o brinquedo e a Sobrasa já alertava que todo cuidado é pouco para evitar acidentes e afogamentos por culpa da peça.

Riscos da cauda de sereia

  • Prende as pernas e os pés do usuário, impedindo a flutuação;
  • Compromete o equilíbrio, dificultando inclusive ficar de pé;
  • Pode levar ao afogamento de forma silenciosa, até em piscinas rasas, mesmo para nadadores experientes.

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário da Universa. É grátis!