menu
Topo

Carreira e finanças

12 táticas para não levar trabalho para casa em 2018

Getty Images
Imagem: Getty Images

Claudia Dias

Colaboração para o UOL

25/12/2017 04h00

Você sai do trabalho, mas o trabalho não sai de você. Há vários sinais claros do excesso: fica apreensivo com algo que ficou pendente, a família e os amigos reclamam que está trabalhando demais ou, ainda, passa a receber menos convite para eventos sociais (pois quase sempre está indisponível).

Veja também:

Para mudar essa situação, listamos táticas que você deve aprender e adotar no dia a dia para não levar mais trabalho para casa. Sua vida pessoal vai agradecer!

Saiba dizer "não"

É preciso deixar claro qual o papel de cada pessoa dentro de uma empresa. Por isso, pare de falar "sim" para tudo o que pedem a você. Absorver tarefas, funções e atividades que não são suas responsabilidades apenas para agradar ou se sentir útil vai refletir diretamente no cumprimento das atividades que você havia programado para aquele dia.

Estabeleça prioridades

Faça uma lista do que precisa executar e defina o que é mais importante no dia -- ou na semana ou no mês. Isso é importante para saber claramente em que focar sua energia e não desviar do seu objetivo. À medida que novas obrigações e demandas vão surgindo, você pode refazer essa priorização.

Crie um ritual de transição

Sair do empresa pensando no trabalho não ajuda em nada. Para "quebrar" esse fluxo, crie rituais mentais que marquem essa transição do momento profissional para o pessoal. Escute um programa de rádio interessante, ouça playlists bacanas, leia um livro diferente ou planeje atividades com a família ou amigos. Vale tudo, desde que seja algo que o leve mentalmente para longe do trabalho.

Programe algo diferente

Se sua mente ainda está ligada ao escritório, canalize essa energia em outra atividade. Podem ser situações como: planejar a próxima viagem de férias, organizar a reforma da casa, ajudar os filhos na lição de casa, cuidar da manutenção do carro etc. O importante é fazer algo que seja algo produtivo para a sua vida e que não tenha relação com o trabalho.

Seja disciplinado e focado

Na maioria das vezes, a jornada de trabalho é mais do que suficiente para executar todas as tarefas previstas. Portanto, enquanto estiver na empresa, foque toda sua energia e atenção nas obrigações.

Não se atrase para compromissos

Além da necessidade de ser objetivo no decorrer de uma reunião, comparecer pontualmente ao compromisso evita que a agenda pessoal atrase no fim do dia. Vale até propor uma brincadeira e cobrar um valor predeterminado por minuto de cada um que não chegar na hora. No fim, o tanto arrecadado pode até ser usado em um happy hour entre a equipe.

Faça um esporte

Comprometa-se com uma atividade física logo após o fim do horário definido para o trabalho. Com o tempo, seu corpo vai se condicionar e começa a "cobrar" sua visita à academia. Quando isso acontece, você se sente mais motivado para focar e finalizar as obrigações profissionais tão rápido quanto possível para ficar "livre" e atender as necessidades do seu organismo.

Fuja das interrupções

Redes sociais, conversas paralelas, vídeos… Qualquer tipo de interrupção que possa quebrar seu ritmo e sua concentração deve ser evitado, pois é muito importante manter o foco e concluir suas tarefas. Recorra a fones de ouvido, desligue as notificações e deixe isso para intervalos. A cada interrupção, são quase 20 minutos para engrenar no ritmo novamente.

Organize a mesa

Espaços de trabalho em ordem ajudam a melhorar o foco e a produtividade, já que nosso cérebro tende a se espelhar no ambiente externo. Se não há distrações para tirar sua concentração, seu rendimento vai ser bem maior.

Coma bem

Trabalhar em jejum ou adiar a refeição até ficar com fome é péssimo para quem precisa se concentrar. O corpo estará sempre lembrando que precisa receber mais uma dose de energia. Então, se quiser ser bem produtivo, esteja bem alimentado.

Defina o início e o fim

Determinar o horário de começar e de terminar o trabalho faz você organizar melhor o dia. Com horários definidos, consegue explorar melhor a sua produtividade e identificar exatamente o que pode ser delegado a outras pessoas ou não. 

Divida o dia

Outra tática útil é dividir o seu dia em três períodos: manhã, tarde e fim de tarde. Assim, organizará melhor as tarefas e poderá dividir o fluxo de trabalho, reservando horários para diferentes tarefas durante esses blocos predefinidos.

 

Fontes: Adriana Gandini Pezzuol, psicóloga e fundadora do Caminho Sol e Luz; Allessandra Canuto, especialista em gestão estratégica de conflitos e negociação, da AlleaoLado; Emmanuel Santana, CTO e cofundador da Reamp; Lissandra Cristine Bassi, coach, hipnoterapeuta e neurolinguista; Marcus Cordeiro, sócio-diretor da ba}STOCKLER; Maura Attui Salvador, empresária e proprietária do Merci Bistrô.

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário da Universa. É grátis!