menu
Topo

Moda

Marca faz peças de roupas com lista de famosos acusados de assédio

Divulgação
Blusão e camiseta com nomes dos famosos acusados de assédio Imagem: Divulgação

Do UOL

10/12/2017 11h34

Na onda do movimento #MeToo, a marca americana Meg Shop - "feita para e por mulheres" - resolveu fazer seu protesto em forma de moda.

Veja também

Camiseta e moletom à venda no site da loja levam uma lista de famosos acusados por assédio sexual nos últimos meses, citando o produtor Harvey Weinstein, o fotógrafo Terry Richardson, o ator Kevin Spacey e até mesmo o presidente norte-americano Donald Trump. A frente das peças está estampada com a expressão “Another One Bites The Dust” (que quer dizer algo como “mais um cai”).

A preços que vão de 49 a 59 dólares (cerca de R$ 194), a Meg Shop assumiu o compromisso de que US$ 10 de cada venda sejam revertidos em doações a New York Alliance Against Sexual Assault e Women's Support Network of York Region, associações que combatem assédio e violência sexual nos Estados Unidos e Canadá.

Por enquanto, as peças só estão à venda nos Estados Unidos e Canadá.

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário da Universa. É grátis!