menu
Topo

Universa

Anitta se posiciona sobre clipe com diretor acusado de abuso sexual

Reprodução/Instagram
Anitta em foto de Terry Richardson Imagem: Reprodução/Instagram

do UOL, em São Paulo

22/11/2017 11h20

Depois de filmar o clipe "Vai Malandra" no Vidigal em agosto, Anitta decidiu falar, pela primeira vez, sobre a parceria com o fotógrafo americano Terry Richardson, acusado de assédio e abuso sexual, e que dirige o trabalho.

Em comunicado ao UOL através de sua assessoria, a cantora decidiu explicar sua decisão de lançar o trabalho diante das circunstâncias.

Veja também

"Imediatamente após tomar conhecimento sobre as acusações de assédio que envolvem o diretor Terry Richardson solicitei que minha equipe avaliasse o contrato para verificar o que juridicamente poderia ser feito", disse.
 
Getty Images
Terry Richardson Imagem: Getty Images
 
"Estudamos todas as possibilidades, que foram além das questões jurídicas, passando também pelo envolvimento emocional, levando em consideração o imenso trabalho digno de todos os artistas e colaboradores que de alguma maneira fizeram este clipe acontecer. Esse não é um trabalho de uma pessoa só".
 
"Manterei minha promessa aos moradores do Vidigal e aos meus fãs lançando o clipe de 'Vai Malandra' em dezembro deste ano. Mostrando um pouco das minhas origens e mais sobre o funk carioca, do qual me orgulho muito de ser representante".
 
Anitta ainda se posicionou sobre os abusos. "Como mulher faço questão de reafirmar que repudio qualquer tipo de assédio e violência contra nós e espero que todos os casos dessa natureza sejam sempre investigados com a relevância e seriedade que merecem", concluiu.

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário da Universa. É grátis!

Mais Universa