menu
Topo

Mães e filhos


Mães e filhos

Dormir de costas no fim da gravidez dobra risco de bebê nascer morto

Getty Images
Imagem: Getty Images

Do UOL

2017-11-20T15:51:32

20/11/2017 15h51

Um novo estudo conduzido por estudiosos britânicos e neozelandeses e publicado no BJOG: An International Journal of Obstetrics and Gynaecology, associa a posição em que a gestante dorme e o risco de morte do bebê antes do parto. Deitar de costas, segundo a pesquisa, é a pior escolha.

A análise de 291 gestações que acabaram na morte do bebê antes do parto e 753 mulheres que deram à luz sem complicações, o estudo confirmou conclusões já obtidas em outras pesquisas realizadas na Austrália e Nova Zelândia que confirmam que, entre as gestantes que dormem de costas no último trimestre da gravidez, há o dobro de risco do nascimento de um bebê morto.

O alerta - que motivou uma campanha no Reino Unido para que as grávidas durmam de lado - quer evitar a morte de 100 mil bebês por ano em todo o mundo.

Apesar de estudos anteriores apontarem para os riscos de dormir do lado direito, esta pesquisa e suas associações não encontraram diferença entre os lados escolhidos para a futura mamãe dormir.

A publicação dá quatro dicas para facilitar o hábito da gestante de dormir de lado:

  1. Coloque um ou mais travesseiros nas costas para ajudar a ficar de lado
  2. Se acordar durante a noite, se atente para a posição e vire de lado
  3. Preste atenção em sua posição durante o dia e não só na hora de dormir
  4. Se acordar de costas durante à noite, se acalme e só vire para o lado