Universa

Instituição oferece aulas de basquete e empoderamento feminino no Senegal

Reprodução/seedproject
Jovens senegalesas são incentivadas a praticarem esportes e estudarem Imagem: Reprodução/seedproject

Do UOL

03/10/2017 18h44

Com o objetivo de igualar as oportunidades de gênero no Senegal, país da África onde 90% da população é muçulmana, nasceu o Seed Project. O lema da instituição é “Nós usamos a educação e o basquete para desenvolvermos a próxima geração de líderes africanos”.

Além do esporte e dos treinos o projeto também desenvolveu programas de empoderamento feminino que contam com a participação de alunos, funcionários e familiares. O objetivo é que todos se envolvam em discussões sobre igualdade de gênero. Além disso, há também oficinas de capacitação específicas para que mulheres possam se expressar.

O local atende mulheres de até 20 anos e desde 2013, 88% dos alunos estão na universidade e nove graduados estão matriculados em faculdades na França, no Senegal e nos Estados Unidos.

“Na SEED, entendemos que as mulheres jovens muitas vezes não têm acesso à programação de esportes de qualidade como seus pares masculinos, e não são encorajadas desde jovens a atingir os mesmos objetivos que os meninos. Por isso, a ideia principal é proporcionar às nossas meninas um ambiente de apoio onde elas possam construir habilidades para a vida, desenvolver suas vozes e expressar suas opiniões livremente". As informações são do site da instituição.

Atualmente, são atendidos 2 mil jovens semanalmente no Senegal, na Gâmbia e nos Estados Unidos e eles contam com programas de desenvolvimento acadêmico, atlético e de liderança pós-escola. Também há treinamentos para treinadores de basquete juvenis em toda a África. 

 

A post shared by SEED Project (@seedproject)

on

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está fechada

Não é possivel enviar comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

O UOL está testando novas regras para os comentários. O objetivo é estimular um debate saudável e de alto nível, estritamente relacionado ao conteúdo da página. Só serão aprovadas as mensagens que atenderem a este objetivo. Ao comentar você concorda com os termos de uso. O autor da mensagem, e não o UOL, é o responsável pelo comentário. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário da Universa. É grátis!

Mais Universa

Topo