menu
Topo

Universa

Vítima de violência: Mãe de Charlize Theron matou o pai da atriz a tiros

Jason Redmond/AP
Gerda e a filha Charlize Theron Imagem: Jason Redmond/AP

Do UOL

30/07/2017 16h45

Em entrevista para uma TV francesa, Charlize Theron contou como superou o trauma de ter visto seu pai ser assassinado por sua mãe, durante sua adolescência.

Cansada da violência doméstica e dos abusos do parceiro, a mãe da atriz, Gerda disparou três tiros no marido alcoolizado em autodefesa após ser ameaçada com uma arma por ele. Na época, Charlize tinha 15 anos de idade e presenciou a morte do pai.

Com vergonha e traumatizada com a situação, a atriz dizia que o pai tinha morrido em um acidente de carro.

"Apenas fingia que isso não tinha acontecido. Eu não contei a ninguém, não queria contar a ninguém. Quem quer contar uma história assim? Ninguém quer contar essa história", desabafou a atriz.

Theron explicou que ela também não queria ter que lidar com as reações das pessoas. E para superar o trauma e superar o sentimento de vítima, Charlize começou a fazer terapia já no fim dos seus 20, início dos 30 anos de idade.

"Acho que o que mais afetou minha vida adulta foram as lembranças da minha infância, do dia a dia vivendo na casa com um alcoólatra e acordando sem saber o que aconteceria. Eu não sabia como seria meu dia, tudo dependia de outra pessoa, se ele iria beber ou não", desabafou a sul-africana.

Por fim, Charlize elogiou sua mãe e parceira no dia a dia. “Eu tenho uma mãe incrível. Ela é uma grande inspiração para minha vida”.

 

 

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário da Universa. É grátis!

Mais Universa