menu
Topo

Universa

Cachorra hermafrodita passa por cirurgia de mudança de sexo na Inglaterra

AFP
Cão da raça Jack Russell Imagem: AFP

Do UOL

30/07/2017 14h32

Após perderem seu cachorro de estimação, o casal inglês Frank e Mary Finlay adotaram um cão da raça Jack Russell ainda filhote e começaram a observar que Molly tinha algumas atitudes estranhas apesar de ser uma fêmea.

O casal percebeu que quando a cachorrinha saía para fazer xixi fora de casa, ela inclinava uma das patas como fazem os cães do sexo masculino. Além disso, Molly tinha um pênis pequeno dentro de sua vulva e testículos em seu abdômen, o que provocava um desconforto ao sentar.

O Frank e Mary descobriram que Molly era hermafrodita. “Não percebi o que queria dizer isso e comecei a chorar quando soube, achava que ela estava com um tipo raro de câncer”, contou a dona da cachorrinha em entrevista ao jornal britânico “The Guardian”.

Logo depois da confusão, o veterinário explicou que Molly tinha genitália masculina e feminina, mas que o quadro poderia ser revertido por meio de uma cirurgia de mudança de sexo.

Segundo o veterinário Ross Allan, a condição de Molly é rara e ocorre somente com um em cada 6.800 cães nascem pseudo-hermafroditas.

Molly teve o pênis parcialmente retirado, assim como os testículos, e foi feita uma abertura na uretra para facilitar a saída do xixi.
Vinte meses depois, Molly segue feliz e ativa. “Ela ainda é nossa Molly, independentemente da sua composição genética”, disse Mary.

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário da Universa. É grátis!

Mais Universa